Há um bilhão de páginas web, e muitas delas são interativas de alguma forma - na verdade, muitas têm o mesmo tipo de interação. Quantos sites você já viu que usam apresentação de slides? Eu já vi centenas!
Por exemplo, temos aqui um da National Geographic:
Um da BBC:
Mais um, da  The Onion:
É possível que cada um desses desenvolvedores web tenha escrito seu próprio código JavaScript para fazer uma apresentação de slides, mas muitos deles provavelmente reutilizaram o mesmo código. Como programadores, devemos reutilizar códigos existentes sempre que pudermos, assim não perdemos tempo escrevendo códigos que outro programador já escreveu.
Em JavaScript, fazemos isso usando uma biblioteca. Uma biblioteca é um arquivo de JavaScript que contém um monte de funções, e essas funções realizam alguma tarefa útil para sua página web.
Como sabemos que funções podemos usar? Poderíamos olhar o arquivo JavaScript, se ele for pequeno, ou melhor, poderíamos ver a documentação. A maioria das bibliotecas tem uma documentação com uma lista de funções disponíveis ou um exemplo do mundo real.
Por exemplo, temos aqui um trecho da documentação da Galleria, uma biblioteca de JS popular para criar apresentações de slide:
Quando um programador cria uma biblioteca de JS e a disponibiliza, ele decide compartilhá-la com o mundo propositadamente - então isso geralmente significa que ele se esforça para criar uma boa documentação e bons exemplos. Talvez um dia você decida criar uma biblioteca com alguma funcionalidade que você ache útil e compartilhá-la com o mundo.
Mas, antes de qualquer coisa, como usamos uma biblioteca? Vou mostrar a seguir!
Carregando