If you're seeing this message, it means we're having trouble loading external resources on our website.

Se você está atrás de um filtro da Web, certifique-se que os domínios *.kastatic.org e *.kasandbox.org estão desbloqueados.

Conteúdo principal
Tempo atual:0:00Duração total:9:41

Inelasticidade perfeita e elasticidade perfeita da demanda

Transcrição de vídeo

olá tudo bem nesse vídeo quero continuar conversando com vocês sobre a elasticidade da demanda e para entender bem o que isso significa eu vou mostrar pra você dois casos opostos um primeiro em que a gente tem uma inelasticidade muito grande e o outro que a gente tem uma elasticidade muito grande o primeiro é o caso em que a gente tem uma inelasticidade muito grande e o segundo caso é o que a gente tem uma elasticidade muito grande e pra gente pensar nesse caso em que a gente tem uma inelegibilidade muito grande eu quero conversar com você sobre a insulina insulina a insulina é o medicamento que as pessoas que possuem diabetes precisam tomar e muitos desses diabéticos corre um grande risco de vida se não tomar a insulina diariamente principalmente porque esse é o medicamento responsável por regular ou manter os níveis de açúcar no sangue então é algo que independente do valor os diabéticos irão comprar então pra entender um pouco como que isso funciona como que essa idéia de demanda e preço funciona eu quero montar aqui com você uma tabela vamos supor que a gente tem o preço da insulina e tem a quantidade de insulina demandada e que essa quantidade seja medida em frascos por semana frascos por semana ou seja a quantidade de fracos que são consumidos por cada um dos diabéticos ao longo de uma semana vamos supor que o preço do frasco seja igual a 5 reais e vamos supor que os diabéticos dependam de 100 frascos por semana então o preço sendo cinco reais eles vão comprar 100 frascos por semana agora se o preço diminuir exemplo que o preço do frasco da insulina vá para um real perceba que houve uma variação muito grande de preço não foi mesmo preço tendo diminuído os diabéticos não irão comprar mais insulina eles vão continuar comprando 100 frascos por semana há uma pequena observação gente está tomando aqui como base que nada vai mudar e que os diabéticos não tem uma perspectiva de mudança futura no preço da insulina então se está o real eles vão comprar um real sem ter a esperança ou se esperar que o preço vai aumentar no futuro próximo então eles não têm a pretensão de acumular insulina tudo bem por esse motivo eles vão comprar apenas o necessário sem frascos por semana agora se por outro lado preço aumentar o preço for agora para r$100 eles vão se apertar um pouco vão ter que espremer as outras despesas mas como eles precisam de 100 frascos por semana eles vão continuar comprando sem frascos por semana então independente é que da variação de preço claro isso dentro de um limite aceitável a quantidade de frascos consumido continuará sendo igual a 100 porque eu falei aqui dentro de uma margem aceitável a gente não pode colocar aqui um frasco valendo 1 milhão de reais com certeza eles não vão conseguir comprar tudo bem mas dentro de uma margem racional e aceitável qualquer variação aqui no preço não vai alterar a quantidade demandada esse é um caso de uma demanda perfeitamente inelástica então a gente tem uma demanda que p feita' mente inelástica se a gente fizer uma analogia com a física imagine o tijolo independente da força que você aplica sobre o tijolo esse tijolo não irá se deformar certo porque ele é inelástico novamente falando a gente está falando de uma força que esteja dentro dos limites aceitáveis a o que seja racional então se você aplicar uma força dentro dos limites aceitáveis você não vai conseguir formar o tijolo o mesmo acontece com a nossa demanda perfeitamente inelástica agora que a gente já fez isso a gente consegue determinar a elasticidade da demanda certo e como é que a gente consegue determinar essa elasticidade a elasticidade da demanda é igual à variação quantidade em termos percentuais claro sobre a variação do preço também em termos percentuais quando a gente avalia que essa variação a gente percebe que a variação aqui no preço é igual a menos quatro que era 5 e diminuiu aqui pra um claro tomando esses dois pontos aqui como referência a gente também poderia medir a elasticidade aqui tudo bem vindo aqui a gente também vai conseguir determinar a variação na quantidade e nesse caso a variação da quantidade foi igual a zero se a variação da quantidade foi igual a zero mesmo medindo em termos percentuais nós vamos encontrar um valor igual a zero ea independente aqui do valor da variação do preço a gente pode ter qualquer valor aqui no denominador a gente vai ter uma elasticidade sendo igual a zero porque 0 / qualquer número continua sendo igual a zero então nos casos em que a gente tem uma demanda perfeitamente inelástica a elasticidade da demanda é igual a zero a gente também pode plantar o gráfico aqui com a curva de demanda em que aqui a gente tem o preço e aqui a gente tem a quantidade demandada isso em frascos por semana o nosso preço a gente vai colocar aqui os nossos valores de referência que é 15 e aqui em cima a gente tem 100 cem reais claro não está muito em escala não mas é só para entender a ideia tudo bem e aqui a gente vai colocar a nossa quantidade demandada que é igual a 100 quando a gente tem o preço sendo r$1 a quantidade demandada é igual a 100 quando a gente tem um preço sendo igual a 5 reais a quantidade demandada continua sendo igual a 100 e quando a gente tem um preço igual a 100 reais a quantidade demandada não se altera continua sendo igual a 100 então a gente tem uma curva de demanda dessa forma que uma linha vertical uma reta vertical todas as vezes que a gente tem uma demanda perfeitamente inelástica a gente vai ter uma curva de demanda sendo uma reta vertical em que ir independente da variação de preço a quantidade demandada não vai se alterar agora quero mostrar pra você o caso que é o extremo oposto quando a gente tem uma demanda muito elástico e para a gente observar o caso de uma demanda muito elástica eu quero mostrar pra você um caso em que a gente tenha duas máquinas de refrigerante e que essas duas máquinas estejam posicionados lado a lado e que além disso elas sejam idênticas claro com pequenas variações aqui dentro mas isso não importa o processo para comprar os refrigerantes enfim é tudo a mesma coisa elas são idênticas então não deixe de escrever isso não há variações as máquinas são idênticas vamos supor que a gente queira comprar latas de refrigerante em especial a coca cola quando chega aqui nessa máquina querer comprar coca-cola vou observar o preço da coca cola vai estar um real quando eu venho aqui pra essa máquina e observa com a cola também vejo que o preço é um real ou seja não há variação no preço então independente de comprar nessa ou nessa não há nenhuma mudança tudo bem mas vamos começar a brincar um pouquinho com o preço da coca-cola nessa máquina por esse motivo deixou colocar aqui uma tabela de preço e quantidade demandada e nesse caso vai ser a quantidade consumida por semana beleza vamos supor que no primeiro caso a gente tem o preço aqui sendo r$1 o preço normal aqui das duas máquinas a quantidade demandada que por essa máquina ou seja a quantidade que as pessoas vão vim aqui vão comprar dessa máquina ao longo de uma semana vai ser igual a 100 latinhas de coca cola agora vamos supor que o preço diminua um pouquinho vamos supor que o preço diminua um centavo ou seja vai ser 99 centavos nem quando as pessoas olharem aqui para essas duas máquinas e perceberem que nessa aqui vai conseguir comprar uma latinha de refrigerante uma latinha de coca cola um centavo mais barato é lógico que eles vão escolher essa máquina então ao invés de wenders em latinhas por semana a máquina vai vender 200 latinhas por semana isso porque só tem 200 latinhas nela cada semana tudo bem o estoque só vai ser reposto na semana seguinte se tivesse mais elas comprariam mais com certeza vamos supor agora um outro caso em que o preço aumente um centavo sendo assim o preço da latinha de coca-cola dessa máquina só dessa máquina que a gente não tá fazendo variação no preço vai ser igual a um real e um centavo quando as pessoas chegarem aqui pra essas duas máquinas de observarem que nessa máquina a coca cola está um centavo mais cara eles vão preferir comprar com a cola dessa máquina então a quantidade que vai ser demandado através dessa máquina vai ser igual a zero note que uma pequena variação no preço provocou uma grande quantidade e na quantidade demandada quando a gente tem um caso como esse a gente tem uma demanda muito elástica que inclusive nós podemos também montar o gráfico aqui para observar o gráfico com a nossa curva de demanda aqui a gente coloca o preço e aqui a quantidade a quantidade consumida por semana a gente tem aqui 0 aqui sem e aqui 200 duzentas latinhas por semana não podemos esquecer de colocar que o preço nosso preço de referência sendo r$1 quando a gente tem aqui o preço sendo r$1 a gente vende 100 latinhas por semana certo então a gente tem uma demanda nesse ponto aqui se o preço aumentar um centavo que seja a quantidade demandada vai ser igual a zero a gente vai ter uma quantidade demandada aqui e se o preço diminuir um centavo a quantidade demandada é igual a 200 ha então a gente tem aqui uma reta quase horizontal se a gente tivesse uma reta totalmente horizontal a gente teria uma demanda perfeitamente elástica porque mesmo a variação de preço sendo muito pequena muito pequena mesmo a quantidade demandada vai se alterar grande demente então uma variação uma pequena variação do preço consegue provocar uma variação muito grande da quantidade demandada por isso que a gente tem o caso de ter uma elasticidade muito grande ou uma demanda perfeitamente elástica observe que nesse caso que a gente provocou uma pequena variação de quase 1% de praticamente um por cento tanto aqui quanto aqui é uma variação muito pequena e essa variação muito pequena provocou uma variação muito grande na quantidade demandada que inclusive eu gostaria agora que você possa usar se esse vídeo e tentasse determinar a elasticidade da demanda nesse caso aqui tente fazer isso e aí conseguiu beleza uma coisa que você vai conseguir observar ao determinar a elasticidade dessas demandas é que no caso de uma demanda perfeitamente inelástica a gente vai ter o módulo da elasticidade sendo igual a zero isso sempre vai acontecer e no caso em que a gente tem uma demanda perfeitamente elástica a gente vai ter um módulo da elasticidade da demanda sendo igual ao infinito porque eu coloquei infinito é que a gente tem um caso de uma demanda perfeitamente elástica mas é muito difícil na prática a gente tem uma demanda perfeitamente acho que a gente tem uma demanda como a elasticidade muito muito muito grande que se aproxima muito nesse caso então por esse motivo a gente vai ter uma elasticidade muito grande algo que tende ao infinito por isso que a gente até fala que numa demanda perfeitamente elástica a elasticidade da demanda é igual ao infinito enfim esse vídeo foi pra mostrar pra vocês esses dois casos para você entender bem um caso em que a gente tem uma demanda perfeitamente inelástica e o caso em que a gente tem uma demanda perfeitamente elástica eu espero que você tenha compreendido e nos próximos vídeos a gente vai continuar conversando um pouco mais sobre elas cidade quero deixar pra você um forte abraço e até o próximo vídeo