If you're seeing this message, it means we're having trouble loading external resources on our website.

Se você está atrás de um filtro da Web, certifique-se que os domínios *.kastatic.org e *.kasandbox.org estão desbloqueados.

Conteúdo principal

Lei da oferta

Se o preço de algo sobe, as empresas estão dispostas (e são capazes) a produzir mais do mesmo.

Pontos principais

  • A lei da oferta afirma que um preço maior leva a uma quantidade ofertada maior e que um preço menor leva a uma quantidade ofertada menor.
  • As curvas de oferta e os quadros de oferta são ferramentas utilizadas para sintetizar a relação entre oferta e preço.

Oferta de bens e serviços

Quando economistas falam em oferta, eles querem dizer a quantidade de um certo bem ou serviço que um produtor está disposto a ofertar a um determinado preço. Preço é o que o produtor recebe por vender uma unidade de um produto ou serviço. Um aumento no preço quase sempre leva a um aumento na quantidade ofertada do bem ou serviço, enquanto uma queda no preço diminuirá a quantidade ofertada. Quando o preço da gasolina sobe, por exemplo, isso incentiva empresas que buscam lucro a executar diversas ações: expandir a exploração de reservas de petróleo, perfurar mais poços de petróleo, investir em mais dutos e petroleiros para levar o petróleo às instalações onde ele será refinado na forma de gasolina, construir novas refinarias de petróleo, comprar dutos e caminhões adicionais para levar a gasolina a postos de gasolina, abrir mais postos de gasolina ou manter os postos atuais abertos por mais horas. Economistas chamam esta relação positiva entre preço e quantidade ofertada — na qual um preço maior leva a uma quantidade ofertada maior e um preço menor leva a uma quantidade ofertada menor — de a lei da oferta. A lei da oferta assume que todas as demais variáveis que afetam a oferta são mantidas constantes.

Quadro de oferta e curva de oferta

  • O quadro de oferta é uma tabela que mostra a quantidade ofertada a cada preço.
  • A curva de oferta é um gráfico que mostra a quantidade ofertada a cada preço.
Abaixo vemos um exemplo de um quadro de oferta para o mercado de gasolina:
Preço (por galão)Quantidade ofertada (milhões de galões)
dollar sign, 1, comma, 00500
dollar sign, 1, comma, 20550
dollar sign, 1, comma, 40600
dollar sign, 1, comma, 60640
dollar sign, 1, comma, 80680
dollar sign, 2, comma, 00700
dollar sign, 2, comma, 20720
O preço é medido em dólares por galão de gasolina e a quantidade ofertada é medida em milhões de galões.
Abaixo temos a mesma informação exibida na forma de curva de oferta, com a quantidade no eixo horizontal e o preço por galão no eixo vertical. Note que isso é uma exceção à regra normal em matemática na qual a variável independente estará no eixo horizontal e a variável dependente estará no eixo vertical.
Uma curva de oferta para gasolina
O gráfico mostra uma curva de oferta inclinada para cima que representa a lei da oferta.
A curva de oferta é criada através da plotagem e junção dos pontos do quadro de oferta. A inclinação ascendente da curva de oferta ilustra a lei da oferta—na qual um preço maior leva a uma quantidade ofertada maior e vice-versa.
O formato da curva de oferta irá variar de acordo com o produto: mais ou menos íngreme, constante, reta ou curvada. Quase todas as curvas de oferta, no entanto, compartilham uma semelhança básica: elas se inclinam da esquerda para direita e ilustram a lei da oferta. Com o aumento de preço, digamos, de 1 dólar por galão para 2,2 dólares por galão, a quantidade ofertada aumenta de 500 milhões de galões para 720 milhões de galões. Da mesma maneira, com a queda do preço, a quantidade ofertada diminui.

A diferença entre oferta e quantidade ofertada

Na terminologia econômica, oferta não é o mesmo que quantidade ofertada. Quando economistas se referem a oferta, querem dizer a relação entre uma série de preços e as quantidades ofertadas a cada um destes preços — uma relação que pode ser ilustrada com uma curva de oferta ou um quadro de oferta. Quando economistas se referem a quantidade ofertada, querem dizer somente um certo ponto na curva de oferta, ou uma quantidade no quadro de oferta. Em suma, oferta se refere a curva e quantidade ofertada se refere a um ponto específico na curva.

Quer participar da conversa?

  • Avatar old spice man green style do usuário gabrielvictor_aniceto
    sobre a lei da oferta,ele diz que um preço mais elevado leva a uma maior quantidade fornecida,isso acontece ao contrário com a gasolina no brasil,o preço internacional abaixa e aqui só aumenta
    (5 votos)
    Avatar Default Khan Academy avatar do usuário
  • Avatar duskpin seedling style do usuário Tiago Matys
    Quando ele se refere que o preço sobe e a quantidade ofertada aumenta, na verdade o que acontece é uma busca em aumentar a quantidade quando o preço de um produto sobe, todos os produtores daquele produto se dispõe gastar mais para produzir aquele produto e isso persiste ate que a produção aumenta tanto que a quantidade produzida ultrapassa a demanda levando a uma quada muitas vezes brusca nos preços. Alguém concorda?
    (4 votos)
    Avatar Default Khan Academy avatar do usuário
  • Avatar aqualine sapling style do usuário Eduardo Mendes
    É possível dizer que a demanda é diretamente proporcional a oferta?
    (0 votos)
    Avatar Default Khan Academy avatar do usuário
    • Avatar leafers seedling style do usuário voffbm
      Se o preço sobe, a quantidade demandada desce; se o preço sobe a oferta demandada sobe. É tudo que foi explicado até então.

      Observo que, sendo P price, D quantity demanded, S supply demanded e alfa, beta, gamma constantes, temos:
      alfa/D = P = beta . S
      Daí segue que:
      S = gamma/D,
      sendo: gamma = alfa / beta

      Portanto S é inversamente proporcional a D.
      (6 votos)
Você entende inglês? Clique aqui para ver mais debates na versão em inglês do site da Khan Academy.