If you're seeing this message, it means we're having trouble loading external resources on our website.

Se você está atrás de um filtro da Web, certifique-se que os domínios *.kastatic.org e *.kasandbox.org estão desbloqueados.

Conteúdo principal
Tempo atual:0:00Duração total:11:16

Transcrição de vídeo

vamos fazer uma representação gráfica do pib real em função do tempo então vamos começar fazendo um eixo aqui e nesse eixo nós teremos aqui o pib real em sua medida real não nominal ou seja de fato à medida da produção de produtos e serviços da nossa economia já aqui em baixo no eixo horizontal vamos fazer o eixo que vai simbolizar o tempo nesse nosso país ou seja lá que tipo de economia que estamos estudando vamos assumir que a população está crescendo em relação ao tempo então vamos anotar temos no nosso país o crescimento da população e assumir isso aqui é algo bem verídico inclusive o que acontece na maioria dos países a população cresce à medida que o tempo passa também vamos assumir aqui que está tendo uma melhora na produtividade então aqui produtividade ela está crescendo na produtividade é o quanto cada indivíduo consegue produzir existem fatores que contribuem com isso como por exemplo a tecnologia inclusive eu acho que é o que mais contribui com o crescimento da produtividade a tecnologia mas também poderia ser a descoberta de novos recursos o então novos processos que são novas maneiras de fazer as coisas o que também pode ser visto por algumas pessoas como tecnologia então com essas premissas de um crescimento constante da população e também uma produtividade sempre se elevando através do tempo é de se esperar que a tendência da produção que a tendência do pib dessa economia seja uma tendência de crescimento e tem uma linha de tendência que funciona mais ou menos assim e se olharmos no longo prazo essa é de fato a linha de tendência de crescimento da maioria das economias que nós temos mas se a gente fosse olhar no curto prazo isso não ia ficar uma linha bonitinha é tinha de tendência como essa aqui então se nós olharmos aí e analisar mais de perto qualquer economia normal aí do mundo o pib real vai ter um crescimento que vai funcionar mais ou menos assim teremos fases em que o pib vai crescendo bastante bem rápido inclusive acima da sua linha de tendência e aí de repente esse pib tem uma queda acaba encolher no entanto começa a crescer tudo de novo e cresce cresce cresce de novo fica acima da linha de tendência e ele retrai vai pra baixo de novo e depois cresce de novo e depois caem novamente e continue sempre flutuando em torno da linha de tendência desse jeito aqui e esse comportamento essa flutuação em volta da nossa linha de tendência é o que a gente chama de ciclo econômico você pode tentar medir esse ciclo de um pico ao outro ou de um vale ao outro do ciclo ou seja isso ajuda até a percepção que um pib vai crescendo de maneira orgânica e de maneira apenas crescente você tem horas que ele cresce depois de repente ele caiu de uma vez e volta a crescer de novo e é o que a gente chama de ciclo econômico mas cuidado aí com esse nome ciclo ele pode te enganar um pouco inclusive pelo jeito que eu desenhe aqui parece que há uma cena é de bem comportada que tem todo o seu período bonitinho mas na verdade as coisas não funcionam assim um ciclo econômico diferente dos outros ciclos não é tão fácil de prever portanto não se deixe enganar pela palavra ciclo achando que o ciclo o mico é tão preditivo quanto um ciclo de água ou um outro tipo de 5 inclusive o economista tem uma trabalheira para tentar prever o ciclo econômico e mesmo assim eles acabam sempre se frustrando de alguma maneira uma coisa que sabemos é que o nosso ciclo econômico acaba indo pra cima e pra baixo que nessa linha de tendência mas diferente de ser uma cena de bem comportada como essa ele é muito difícil de prever inclusive no geral não temos aí o mesmo período entre os picos ou entre os vales e essa característica o torna tão difícil de fazer previsões existem alguns termos que nos ajudam a descrever as diferentes fases dos ciclos econômicos inclusive algum desses temos a gente já usou durante as explicações estão aqui é quando nós temos um crescimento da economia então daqui desse vale até esse pique a gente vai ter uma fase que a gente vai chamar de expansão é todo destacando a expansão da cor verde não estamos aqui a nossa expansão que assim chamada porque de fato a economia está se expandindo estamos tendo aí ofertas de mais produtos e serviços oferecidos por essa economia vamos inclusive tentar explorar os porquês que temos as expansões econômicas e aí de repente a economia começa a encolher né vai tendo um encolhimento da economia então essa parte aqui que eu tô destacando em roxo é o que a gente vai chamar de recessão da economia esse inclusive se a recessão for muito grave a gente pode categorizar lá de depressão inclusive tem aquela velha piada que diz o seguinte quando é seu vizinho que perde o emprego nós estamos numa recessão e quando é você que perde seu emprego é porque tem uma depressão o interessante a gente sempre vê esse padrão aí acontecendo a cada sete oito dez anos mas a gente nunca sabe o porquê que isso acontece e o que nós vamos fazer nos próximos vídeos é tentar ver algum modelo que de fato consiga explicar isso aí posso dizer inclusive que esse é o principal motivo da gente estudar a demanda agregada e oferta agregada tito isso nós vamos ver aí esses modelos econômicos que são elaborados bem a grosso modo né porque eles não leva em consideração o fator econômico mais relevante na minha opinião que é o fator das emoções humanas vamos destacar aqui as emoções humanas você deve ter notado aí que na maioria dos estudos que fizemos de economia até agora a gente não falou muito sobre as emoções humanas ou a ganância humana o risco que a humanidade está disposta a tomar ou medo ou todo tipo de coisa que de fato influenciam nas decisões das pessoas todo esse tipo de coisa acaba afetando a economia né mas nos modelos tradicionais isso não é levado em consideração é claro que agora nós temos alguns estudos mais modernos que levam em conta aí essas emoções são novos campos como economia comportamental e finança comportamental inclusive 2017 aí teve um nobel de economia relacionada a esse tipo de coisa mas nos modelos é que nós estamos vendo de demanda agregada e oferta agregada essas emoções não estão sendo levadas em conta mas continuando a falar sobre as emoções humanas eu acredito bastante que tem essa influência principalmente porque eu trabalhei por 67 anos aí com análise de investimento e vi essas emoções interferindo na economia nada disso aí está nas aulas clássicas nas teorias clássicas de economia mas eu quero já deixar isso colocado pra vocês antes de começarmos nossas partes de economia clássica à final tendo este fato em mente fica muito mais fácil você pensar e entender o que está acontecendo então vamos voltar aqui no nosso ciclo econômico veja só aqui no começo da expansão o pessoal ainda meio cético eles acabaram de passar por toda essa turbulência que perderam o emprego não estava conseguindo pagar as contas não estão conseguindo pagar aluguel as empresas estavam tendo um lucro muito baixo inclusive poderiam está tendo prejuízo e assim por diante então mesmo que agora a economia comece a expandir a galera ainda tá meio cética com a situação então aqui a gente ainda tem a ferida muito aberta o pessoal ainda tem essas amargas lembranças do que estava acontecendo em um passado muito próximo então ninguém quer sair por aí gastando ninguém quer sair investindo está todo mundo muito cuidadoso veja que hoje é que eu tentando pegar um aspecto mais emocional do ciclo econômico inclusive porque eu acredito que esse seja um dos fatores mais poderosos então à medida que o tempo vai passando ea expansão vai acontecendo aí o pessoal começa a pensar olha então de fato a economia está melhorando as coisas estão mudando e aí essas feridas aí vão cicatrizando que o pessoal vai esquecendo esse passado nebuloso de dor e incompreensão e com essas lembranças aí dos bancos empresas falindo e tudo caindo vai ficando mais distante e aí todo mundo ganhando mais confiança para voltar a gastar e investir o seu dinheiro e aí começa o pessoal vai começar a investir e gastar dinheiro a fazer contratações e com isso à medida que a gente vai caminhando pra cá já faz bastante tempo aí que nos fala mais em falência em desemprego em economia ruim então aqui a galera tá super confiante é mais confiante inclusive que deveria está inclusive assumir riscos que antes elas não considerariam aceitáveis então o pessoal começa a gastar como se não houvesse amanhã vai investindo sempre contando com esse crescimento da economia é que se eles tivessem estrapolando esse pequeno pedaço aqui apenas inclusive nem os economistas quando estão nesse ponto da economia eles têm essa tendência e estrapolar o passado recente eo passado recente veja é de crescimento então se o passado era assim significa que a previsão de futuro é algo mais ou menos assim com isso né o pessoal começa a fazer investimentos sem pensar tanto ea economia acaba não respondendo a maneira que eles esperavam então a partir desse ponto aí as coisas com essa a dar uma piadinha só que o pessoal ainda está meio que em negação sobre o que está acontecendo aí o tempo vai passando o pessoal começa a ter um pouquinho mais de medo do que está acontecendo com essa olha talvez as coisas não estejam tão bem quanto eu pensava que estava o pessoal começa a entrar em pânico aqui começam as demissões a economia se retrai e aí começa o nosso ciclo tudo de novo com price estresso melhor eu me fiz um desenho aqui um gráfico que circulou muito por aí é que meio que fala mais de um gráfico de mercado de ações do que da economia em si mas o que acontece no mercado de ações meio que muda o que acontece na economia de modo geral eu acredito é que essas palavras estão aqui meio que falam bastante dos sentimentos envolvidos seja no ciclo econômico seja ele no círculo de mercado de ações quando estamos aqui no meio da expansão o pessoal está se sentindo bem otimista né e aí o tempo passa um pouquinho e vem a fase de empolgação nesta fase pessoal também esse nossa há leis isso seja o que vai acontecer para sempre que nessa fase de entusiasmo tudo que o pessoal lembra que recentemente ele tem só ganhar dinheiro então o pessoal começa a colocar todo o seu dinheiro no mercado de ação todo entusiasmado é comprar até o macarrão congelado pontocom seja lá qual for a empresa que vai investir e aqui a gente tem euforia é onde o pessoal já está se nossa não preciso mais trabalhar para ganhar dinheiro é só colocar dinheiro na compra de acções do macarrão congelado pontocom e coisas do tipo então aqui começa a aparecer os sinais de que houveram alguns investimentos ruins e que as coisas não estavam caminhando do jeito que o pessoal estava imaginando que iria acontecer comece até inclusive aqui uma ansiedade mas é as coisas vão piorando eo pessoal fica meio que em negação ou mete pessoal pergunta nossa será que estamos numa recessão só não imagina a recessão imagina olha só como estava coisa quanto tempo faz que teve uma recessão faz muito tempo se está acontecendo não as coisas agora são diferentes na internet mudou tudo que a gente sabia sobre economia fora o mercado imobiliário o mercado imobiliário não cai nunca a china recessão mas à medida que a recessão vai continuando o pessoal começa a ficar com mais medo né e começa a perder nossas eu acho que tem realmente alguma coisa acontecendo de errado aí bate aquele desespero bate um pânico nesta hora aqui do pânico nem se você for pensar no mercado de ações é quando o pessoal começa a vender ou se a gente for pensar no mercado o econômico o usual é quando a galera começa a segurar o dinheiro a economizar a rendição pessoal se rende fala o negócio tá ruim mesmo a coisa nunca mais vai voltar a ser como era antes e chega a ficar desanimado vem o desânimo e então vem a depressão que a gente pode falar inclusive no sentido emocional né porque parece que faz tanto tempo que esses bons sentimentos foram sentidos que os sentimentos ruins são os mais recentes a carne ainda tá viva dessa ferida inclusive os economistas vão dizer pra você o seguinte aqui é a melhor hora de investir e aqui é a pior hora de investir mas mesmo essa será a melhor hora de investimento como o pessoal está bem depressivo por há pouco tempo está sentindo essas emoções ruins e faz tanto tempo que essas emoções hoje acontecendo que o pessoal investindo com muita precaução mas aí o tempo vai passando é vai criando se esperança de que a economia vai bem depois da esperança vem aquele alívio e começa nossa até que a gente não está tão ruim assim né e aí voltamos para o otimismo novamente então fique com isso aí na sua cabeça grave isso aí porque na minha opinião a emoção humana é um dos principais fatores de influência seja no mercado de ações seja na economia de modo geral porém quando a gente estiver estudando os modelos clássicos de economia a gente acaba tirando um pouquinho as emoções humanos dos nossos fatores de influência na hora de estudar o que acaba sendo um pouco artificial não é afinal isso pode ser de fato a coisa mais importante na economia