If you're seeing this message, it means we're having trouble loading external resources on our website.

Se você está atrás de um filtro da Web, certifique-se que os domínios *.kastatic.org e *.kasandbox.org estão desbloqueados.

Conteúdo principal
Tempo atual:0:00Duração total:10:27

Transcrição de vídeo

no último vídeo nós usamos para explicar que um aumento nos nos gastos de governo pode gerar um aumento na despesa planejada nós vimos aqui um delta g pode gerar um aumento nesse valor constante aqui que sob a linha reta para cima então um incremento de gasto para o uso do elemento de despesa aí eu quero falar vocês é o seguinte eu não posso eu não preciso mexer nesse resolver esse problema da curva 15 a apenas com o governo tem várias variáveis aqui ou em qualquer uma delas que se alterar produz um efeito gráfico então vamos analisar o seguinte vamos considerar aqui ó que o governo resolve diminuir o imposto então eu vou pegar minha taxa e agora vou ter uma taxa menor ou seja 11 ter menos delta ter um tributo menor o que vai acontecer só se você comparar essa continua aqui ó eu tenho propensão marginal de consumo vez a taxa vai ficar uma coisa assim c1 ele é negativo ó esse cara é negativo quando você faz ser um negativo vezes a taxa - delta t o que vai acontecer aqui ó os e um amigo professor marginal de consumo vez o tributo que eu tinha antes eu continuo a ter só que agora com menos daqui com menos daqui fica mais ou seja o meu delta te ficou positivo na minha conta então na verdade você diminuir os impostos você aumenta renda porque porque a pessoa vai pagar menos imposto ela vai ficar com dinheiro a mais isso gera um aumento de renda ou seja de qualquer forma eu vou fazer o gráfico da uma subida eu vou ter um nova linha de despesa então o que eu posso afirmar do mesmo jeito que se eu aumentar imposto chega aqui e aumenta o imposto o que vai acontecer vai acontecer que ela quer multiplicar aqui ó o ao impulso positivo agora fazer mais pontos que vai acontecer vai acontecer que menos ser um conteúdo vai dar menos de 1 t só que menos com mais vai dar - aí eu vou ter uma reta agora abaixo uma nova despesa planejada que ficou abaixo da minha eu tinha então qualquer uma dessas variáveis pode ser usada para mexer na minha curva a idéia aqui não é divulgar não é julgar se a política fiscal é mais para direita ou mais à esquerda cs aumentar gastos e cortar tributos a nós então querendo fazer sinal é apenas mostrar que a curva a cruz que keynesiana ela mostra o que acontece na realidade uma saída né o que nós queremos ver este vídeo é o seguinte é a ação do termo multiplicador que já foi mostrado anteriormente então nós vamos fazer o seguinte ó meu espaço aqui então vamos recuperar a nossa equação a nossa equação é que é epi planejadas é igual ser um vezes a renda mas aquele que é todo constante lá então vou pegar todas tema aqui ó tudo que eu vou chamar de bbb bbb tá então vamos lá é na economia de equilíbrio a gente sabe que as despesas têm que ser igual às receitas essa linha branca aqui ó então para que se torne um retorno mesmo equilíbrio ou fazer o seguinte eu vou colocar aqui o meu é p vai ser o mesmo que a minha receita a minha renda então renda agregada é igual 11 vezes era guardado renda agregada mas a minha constante que são os meus meus gastos ali né os tributos os investimentos do governo às exportações e consumo outono se eu trabalhar essa equação aqui o jogo nesse tempo pra cá eu vou ter que a renda agregada - com pessoal marginal de consumo vezes é da queda é igual ao be se eu colocar à venda agregada em evidência eu vou ter um - c1 daqui eu vou ter isso aqui ó que o meu y é igual o meu bebê já que todo aquele gasto / 1 - então então vou escrever de uma maneira diferente à que separa no b eu vou ter que é um - um sobre o - e 1 vezes b e uma coisa legal né é que esse termo aqui ó 1 / - e 1 nós já vimos e vídeo anterior é minha proporção marginal de consumo né nós já vimos que esse tema i é uma série infinita ela já mostramos então o que eu vou fazer aqui ó o meu ser um gasto é o que eu não gostei a gente chama de propensão marginal de poupar poupar poupança por exemplo minha pessoa mas não consuma de de 30% à minha pessoa mas marginal de poupança é de 70 vou guardar 70 do meu dinheiro então 1 / 1 - e um é igual 1 / o pessoal mais geral a poupar e esse valor você sabe o que ele é é o meu multiplicador que nós já vimos [Música] aplicado é aquele multiplicador que nós já vimos a então a idéia aqui ó é que nós temos um multiplicador que multiplica o valor investido ou seja deixa eu explicar para vocês se o governo cobra um tributo menor sob a mais de uma pessoa ela gasta a pessoa que recebeu isso vai ter uma receita maior vai gastar também sempre respeitando a propensão marginal de consumo e vir e se é esse ciclo então o que o dinheiro inicial não para nele volta né ele é incrementado vamos dar um exemplo aqui é para você entender imagine o seguinte imagina que o governo que a 111 elemento na economia de 1 bilhão de dólares pode ser em um imposto deixando de dar isenção de imposto pode ser um investimento que gerou uma receita de 1 milhão pode ser gasto do governo o vereador gastar mais pode ser as exportações qualquer um desses variados aqui ó o be vai sofrer um aumento de 1 bilhão então vamos pensar se o meu ser um gol eu vou dar um exemplo aqui vou aceitar que o meu ser um e 60% ao se jogar 60% o que eu ganho se eu estou falando de um exemplo de um milhão né seriam 600 melhor o que seria ou a minha propensão marginal a poupar seria o meu 40 projetos ou então o meu multiplicador ele vai ficar 1 sob 04 que vai dar 2,51 equação chegada vai ficar 2,5 vezes o bebê que foi um investimento que o governo fez então suponho que o governo investir ou investiu ou diminuir o imposto ou gastou mesmo ou as exportações aumentarem 1 bilhão nós vamos ter um incremento na economia de dois bilhões e meio certo então o avaliação da renda agregada pela vá perdão deixou só fazer um negócio pela variação do b vai dar 2,5 bilhões tá é isso não é mágica não a gente tem 11 caiu do céu não nós estamos só mostrando que a curva que me case ana ela mostra o que acontece ela explica matematicamente gráfica mim é esse resultado multiplicador que existe para cada um dólar investido você tem um resultado em cima disso dependendo da sua pensão nós adotamos que a propensão marginal aqui é a mesma para todos os níveis da economia do país o rio então para cada um dólar investido né a mais cada incremento de 1 dólar a um incremento de 2005 dólares na nossa economia é isso