If you're seeing this message, it means we're having trouble loading external resources on our website.

Se você está atrás de um filtro da Web, certifique-se que os domínios *.kastatic.org e *.kasandbox.org estão desbloqueados.

Conteúdo principal

Cariátide e coluna do Erecteion

Cariátide (pórtico sul) e coluna iônica (pórtico norte), Erecteion na Acrópole, em Atenas, mármore, 421-407 a.C., Período Clássico (Museu Britânico, Londres); Mnesicles pode ter sido o arquiteto. Oradores: Dr. Beth Harris e Dr. Steven Zucker. Criado por Beth Harris e Steven Zucker.

Quer participar da conversa?

Nenhuma postagem por enquanto.
Você entende inglês? Clique aqui para ver mais debates na versão em inglês do site da Khan Academy.

Transcrição de vídeo

(Piano tocando ao fundo) Estamos no Museu Britânico e estamos olhando para uma das Cariátides do Erecteion da Acrópole em Atenas. - Sim... - É muita informação. (risos) E uma Cariátide é uma figura humana empregada como uma coluna. Ela se parece com uma coluna. Suas vestes caem como se quase fossem os sulcos de uma coluna. Esses sulcos verticais. E porque ela está em contrapposto. Com uma postura de peso na perna que é a que se parece com uma coluna e a outra livre na qual o joelho se projeta para a frente e as vestes podem cair livremente corpo abaixo. Acabou dando um movimento sutil e suave ao corpo. O contrapposto não está apenas nas pernas, mas mesmo nos quadris, o que não podemos ver realmente, por causa de todo o tecido, mas que foram referidos. Nós temos essa forma circular agradável em torno dos quadris. Onde a túnica apenas se acomoda. Certo, a túnica que ela está vestindo, caindo em torno de sua cintura, pendendo de seus seios de uma forma muito graciosa. Interessante, pois falamos sobre o balanço do corpo, porém ao chegar até o capitel, até a cabeça, ela se endireita. E ela tem que se endireitar. Você tem uma noção da especificidade, peso e espessura do pano. Como o peplos foi trabalhado e que foi preso na altura dos ombros, mas a real noção que podemos ter é de não ser um tecido fino. - Ele tem um certo peso. É interessante, se você olhar para o pórtico de onde veio isso. Há seis Cariátides ao todo: Quatro virados para a frente e duas à direita. Em termos de contrapposto, opondo as duas à esquerda, com a perna de sustentação de peso sempre do lado de fora, para fazer parecer mais estável. É um tipo de sensibilidade para... - Harmonia, equilíbrio... - Sim, com certeza. E há uma nobreza nela que é muito o que temos visto quando olhamos para as esculturas do Partenon novamente ou para o século V a.C., na Grécia, da Era Clássica e o senso de beleza ideal perfeito, nobreza e monumentalidade. Eu também acho isso muito interessante. Essa ideia de confundir um elemento arquitetônico com o corpo humano. Porque essa é uma ideia muito antiga e aqui é realizada, de certa forma, de maneira mais direta. Mais tarde, os romanos vão falar sobre a arquitetura em termos do corpo humano. Não apenas em termos de escala, mas também de proporção. E aqui ela é levada para o extremo mais literal. E dentro da mesma sala está a fabulosa coluna Jônica, também do Erecteion, que é muito graciosa e se torna mais fina à medida que sobe em direção ao topo, com o encantador capitel Jônico com decorações esculpidas embaixo. Mas ter esta coluna aqui é um lembrete muito importante da escala destas construções na Acrópole. Porque quando você está em pé no Museu você se esquece. - Quão grande estes edifícios eram. - A sua escala no topo de uma colina. Em Atenas, no caminho, há uma boa claraboia acima dela. Começa a lhe dar uma noção de como é na luz natural para ver a pedra. E esta é, como você disse, uma coluna Jônica que é muito mais delgada e graciosa que as pesadas colunas Dóricas. A solidez que vemos no Partenon que fica do outro lado do caminho para a Acrópole. E e eu acho que isso é um pouco sexista, mas, às vezes esta ordem, a Jônica, - Soa para mim mais feminina. - Mais elegante, graciosa, decorativa. E, claro, as figuras femininas estão substituindo as colunas reais, por isso esta é uma espécie de síntese desses dois. E os lindos sulcos que fazem este jogo de claro e escuro em toda a coluna. Sulcos e, ao contrário do Dórico, há uma base. A coluna não se ergue diretamente do estilóbato. Existe esse tipo de fundamento e, claro, o bonito capitel decorado. ♪(Piano ao fundo) Legendado por: Jessica Mazzini