If you're seeing this message, it means we're having trouble loading external resources on our website.

Se você está atrás de um filtro da Web, certifique-se que os domínios *.kastatic.org e *.kasandbox.org estão desbloqueados.

Conteúdo principal

O Cocheiro de Delfos

Cocheiro de Delfos, c. 478-474 a.C., bronze (fundição por cera perdida) com incrustações de prata, vidro e cobre, 1,8 m de altura (Museu Arqueológico de Delfos), Oradores: Dra. Beth Harris e Dr. Steven Zucker. Inscrição na base:
"Ofertado do por Polizelo, irmão mais novo de Gelão I, tirano de Gela e mais tarde de Siracusa, e de Hierão". Descoberto em 1896 perto do Templo de Apolo em Delfos .
Criado por Beth Harris e Steven Zucker.

Quer participar da conversa?

Nenhuma postagem por enquanto.
Você entende inglês? Clique aqui para ver mais debates na versão em inglês do site da Khan Academy.

Transcrição de vídeo

(piano tocando) Um dos mais excepcionais objetos que sobreviveu à antiguidade, em Delfos, é o cocheiro. Essa figura fazia parte de um monumento caro e importante que incluia um time de cavalos e um cavalariço. Corridas de bigas eram comuns em competições atléticas, e havia competições atléticas que todos conhecemos, em Olímpia, as Olimpíadas. Mas também havia competilções atléticas aqui, no santuário de Delfos. As pessoas comemoravam certas vitórias Essa escultura, em especial, foi comissionada por um rei ou um tirano de Sicília. Havia cidades-estado Gregas, ou poleis na Sicília, que competiam nesses jogos. Então você pode imaginar que quando se criava estátuas elaboradas de bronze, como esta comemorava-se uma vitória em particular, eles estavam se gabando. Isso era tipo um troféu público. Delfos era um lugar onde todas as cidades-estado vinham para competir, e para honrar e fazer dedicatórias ao Deus Apollo. Vemos que estão se gabando não só pelo que a estátua representa, mas pelo seu material Esta é feita de bronze, que era um material muito caro. É em grande parte feita de cobre e um pouco de estanho e é um molde oco. Aliás, onde está faltando um braço e no lado oposto, podemos ver quão fina é a camada de bronze. Ainda tem olhos de pasta de vidro que teriam sido embutidos com prata. A execução é tremenda. A prata foi usada em torno de sua bandana e podemos ver pedaços finos de bronze que foram usados para seus cílios. Ele parece muito realista. O que é interessante nessa escultura é que ela foi criada no começo do Período Clássico, também conhecido como estilo austero. Temos o começo do naturalismo e o que me intriga nessa escultura é que em alguns aspectos, ela é bem realista a forma como ele vira sua cabeça, mas ao mesmo tempo, observamos "contrapposto", mas seu corpo é bem colunar. Não vemos muito movimento em seu torso. O momento que está sendo representado não é quando se venceu a corrida, não é um momento ativo. Ao invés disso, esse momento é de uma vitória quieta, que vem após. Não só isso, as pernas não seriam visíveis se ele estivesse dentro da biga. Talvez isso explique porque elas estavam atenuadas. É por isso que as pernas da figura parecem longas demais, isso é acentuado graças ao drapeado que toma forma bem acima da cintura. E olhe para essas dobras de tecido, elas nos lembram das caneluras das colunas gregas, e olhe para esse drapeado que cai por cima do cinto. Ele não está estritamente frontal, talvez pensemos numa estátua Kouros, uma figura masculina nua típica do Período Arcáico. Aqui, ele não está frontal, está um pouco virado para a direita. Ele ergue seu braço para fora. Vemos o começo de um interesse por uma pose mais aberta, que vai ficar muito mais popular no período Clássico. Em poucas palavras, não é uma figura com braços firmemente fixados ao corpo. As pernas estão paralelas, mas não estão rígidas como os primeiro Korous arcáicos. Olhe para a delicadeza, por exemplo, com que os pés são retratados. Esses não são mais símbolos incisados em pedra, esse é, claramente, o produto de um estudo cuidadoso da anatomia do corpo humano. Foi baseado em observação direta. Eu quase sinto como se estivesse nos jogos e esse fosse o momento onde os vencedores estão sendo homenageados, e esse grande atleta está lá para ser admirado pela multidão. (piano tocando) Legendado por Bruna Jermann