If you're seeing this message, it means we're having trouble loading external resources on our website.

Se você está atrás de um filtro da Web, certifique-se que os domínios *.kastatic.org e *.kasandbox.org estão desbloqueados.

Conteúdo principal

Mercados de Trajano

Apolodoro de Damasco, Os Mercados de Trajano, 112 d.C., Roma. Palestrantes: Dr. Steven Zucker e Dra. Beth Harris.

Transcrição de vídeo

(Música de piano) Talvez o mais poderoso imperador da história de Roma. Bem, certamente um dos mais conhecidos. E um dos mais de mais sucesso no sentido mititar, foi o Imperador Trajan. Ele construiu, não somente o maior Forum Imperial da História de Roma. Que é o maior, mais magnífico espaço público mas também templos e bibliotecas, ele ainda construiu um vasto balneário público. Mas além disso, construiu os mercados. Isso foi, o que é em essência, o que nós reconhecemos no mundo moderno, como um complexo comercial enorme, tipo um shopping com mais de 150 escritórios e lojas. Como imperador, você poderia escolher construir prédios públicos, poderia construir residências particulares e palácios para si mesmo. Você poderia construir uma combinação dos dois. Pouco antes de Trajan, o Imperador Nero tinha apropriado-se de imensa quantidade de terras, que pertenciam ao povo romano, para construir seu palácio, O Domus Aurea. Então, os imperadores que vieram imediatamente depois dele, em maioria, decidiram construir, em vez disso, projetos para os romanos. O Flavians, por exemplo, construiu o anfiteatro, que chamamos de Coliseu. E Trajan continuou com a tradição com a construção massiva de projetos públicos, ambos o Forum e o mercado adjacente. O mercado é tão interessante para mim, porque por tanto tempo, quando pensava na arquitetura de Roma antiga, eu pensava nos templos, pensava sobre Fora, pesava nestes grandes espaços cívicos. E o que eu não me dava conta, era que os romanos eram extremamente adeptos à construção densa, estruturas com multi-histórias. Isso é, basicamente, prédios de apartamentos, blocos de escritórios é isso que temos aqui. Eles tinham concreto, o que lhes permitiu realmente dar forma à espaços, de uma maneira que você não pode fazer em espaços que são construídos com a arquitetura de postes e lintel, essencialmente, colunas e telhados. Por exemplo, aqui nos mercados de Trajan quando você entra pelo hall central, olhamos para cima e vemos este espaço super alto e grandioso, construido com o uso de cruzamentos, formando cúpulas, feitas com tilojos a vista e concreto. Então a cúpula é simplesmente uma abóboda, que foi interceptada por uma segunda abóboda que está perpendicular a ele. Então, neste caso, temos a abóboda principal do hall, que é bastante longo, entrecortadas por outras abóbodas em ângulos retos. E, também, você consegue este tipo de arcada em X. Isto foi feito pelo chefe de arquitetura de Trajan, Apollodorus de Damasco um engenheiro e arquiteto incrível, que também construiu pontes e outras estruturas militares de Trajan. Apollodorus de Damasco, ainda construiu, em ambos lados desta entrada abobadada, escritórios que são apoiados por abóbadas e ligados ao corredor principal através de contrafortes. O que eu achei fenomenal sobre este espaço, é a quantidade de luz, que deixa dentro. E isto é por causa dos romanos tinham tornado-se tão adeptos ao uso do concreto. A habilidade de desistir, das paredes de suporte de peso, para as aberturas, janelas, para deixar que entre luz, ambas nas abóbodas e nas paredes, fala sobre o extraordinário nível de confiança dos antigos romanos sob Trajan. E logo depois disto, Sob o imperador Hadrian, os romanos iriam construir um dos mais bonitos monumentos de hoje, que é o pantheon. Um enorme, ininterrupto espaço abobadado, criado com o uso do concreto. Então, aqui no centro de Roma temos, intacto, um dos mais complexos espaços urbanos na época da Roma antiga. É uma espetacular mostra da engenharia romana e nos abre uma janela, para imaginar como teria sido a vida romana. Os romanos tinham o apelido para Trajan e era Optimus Princeps. E o que significa, melhor líder. E estar aqui admirando o Forum de Trajan, e estar no mercado que ele comissionou, podemos entender o porque eles o chamavam assim. (Música de piano) Traduzido por Carolina Sarapo