Se você está vendo esta mensagem, significa que estamos tendo problemas para carregar recursos externos em nosso website.

If you're behind a web filter, please make sure that the domains *.kastatic.org and *.kasandbox.org are unblocked.

Conteúdo principal

Concordância do verbo SER + adjetivo: é proibido, é necessário, é bom

Nesta videoaula, apresentamos informações sobre o funcionamento da concordância nominal em expressões como "é bom", "é necessário", "é preciso", "é proibido" etc. Sobre a Khan Academy: A Khan Academy oferece exercícios, vídeos e um painel de aprendizado personalizado para ajudar estudantes a aprenderem no seu próprio ritmo, dentro e fora da sala de aula. Temos conteúdos de matemática, ciências e programação, do jardim da infância ao ensino superior, com tecnologia de ponta. De graça, para todos e para sempre. #YouCanLearnAnything Se inscreva no canal! Versão original criada por Khan Academy.

Quer participar da conversa?

Nenhuma postagem por enquanto.
Você entende inglês? Clique aqui para ver mais debates na versão em inglês do site da Khan Academy.

Transcrição de vídeo

RKA2G - Olá, tudo bem com você? Espero que sim! Você já reparou que muitas das frases que nós utilizamos no nosso dia a dia, seja escrevendo, seja falando, nós utilizamos os verbos em sua composição? Pois é. No vídeo de hoje, nós vamos falar sobre o verbo "ser" seguido de adjetivo. Mas, antes de entrar no conteúdo da aula de hoje, é importante que a gente lembre o que é um adjetivo o que é um verbo. um adjetivo é aquilo que serve para modificar o substantivo, adicionando uma qualidade, uma característica. Já o verbo é aquela palavra que pode transmitir, em uma frase, uma ação, movimento, estado ou até fenômeno meteorológico. Como, por exemplo, se eu disser que estou correndo ou se eu disser que está chovendo. Neste vídeo, através de alguns exemplos que eu preparei, nós vamos analisar como o verbo "ser" funciona seguido de adjetivo, como eles aparecem na frase. Vamos, então, aos exemplos. Estes foram os exemplos que eu trouxe para a aula de hoje. Nos títulos das notícias, nós temos algumas frases que podemos analisar, que nelas encontraremos o verbo "ser" seguido de adjetivo. Antes que entremos nos exemplos em si, é importante que você saiba que os adjetivos formam uma classe de palavras com muitas palavras diferentes e que o verbo "ser" pode ser flexionado de diferentes maneiras. Nós iremos realizar apenas os adjetivos "necessário", "bom", "proibida" e "preciso", quatro adjetivos diferentes juntos do verbo "ser" no presente do singular. Vamos ler os títulos das matérias e tentar perceber algumas diferenças entre elas. A primeira é a seguinte: "É necessário se proteger do calor." É fácil perceber, até porque já falamos antes, que o verbo "ser" está aqui flexionado no presente do singular, com a palavra "é", fazendo ligação com o adjetivo "necessário", que está no masculino. Logo embaixo, temos o subtítulo da matéria, que diz o seguinte: "Água é bom para o organismo." Percebe? Neste caso, a palavra "é" (o verbo "ser" flexionado no presente do singular) não apareceu no começo da frase, mas sim no meio. Isso não altera o significado do que foi dito, porém, se prestarmos atenção na terceira frase, conseguiremos perceber uma diferença entre as outras duas que não percebemos ainda. O verbo "ser", no presente do singular, também está presente com a palavra "é" e o adjetivo, logo em seguida, sendo, no caso, a palavra "proibida". Talvez você conheça essa palavra, que significa "não permitido" em outros termos. Porém, você consegue perceber que, talvez, dependendo do contexto, eu posso utilizar esta palavra no masculino ou no feminino? Neste caso, ela está no feminino: "É proibida a entrada sem proteção adequada." Isso acontece porque, nessa frase, com o verbo "ser" junto do adjetivo, nós temos também o artigo "a", que serve para delimitar, demarcar qual o gênero da palavra. No caso, porque o artigo está definindo o sujeito da frase, a palavra "entrada", que está no feminino. Se gente voltar para um exemplo no masculino, talvez você compreenda melhor a diferença entre um e outro. Vamos lá: "É preciso tomar atitudes sérias quanto a este problema." Percebe que o adjetivo nesta frase, mesmo fazendo junção com o mesmo verbo "é", está aparecendo aqui no masculino? "É preciso", e não "é precisa". Isso acontece porque, nessa frase, não temos um artigo feminino demarcando o sujeito da frase. Se eu colocasse esta palavra no feminino, nós teríamos um resultado um pouco estranho, não concorda? "É precisa tomar atitudes sérias quanto a este problema." Em frases com verbo "ser" seguido de adjetivo, que é o que estamos vendo no vídeo de hoje, o artigo que demarca o gênero do sujeito nos ajuda muito em toda a concordância da frase. É importante que você saiba que, para conhecermos o máximo possível dos adjetivos da nossa língua e entender como eles funcionam com os verbos e como podemos flexionar todos eles, nós precisamos, além de estudar, manter um costume de leitura e de escrita. Só assim a gente consegue compreender o funcionamento natural da nossa língua. A gente se encontra no próximo vídeo, tudo bem? Até lá e bons estudos!