Se você está vendo esta mensagem, significa que estamos tendo problemas para carregar recursos externos em nosso website.

If you're behind a web filter, please make sure that the domains *.kastatic.org and *.kasandbox.org are unblocked.

Conteúdo principal

Ortografia: parônimos

Nesta videoaula, explicamos a paronímia e apresentamos exemplos de palavras parônimas. Versão original criada por Khan Academy.

Quer participar da conversa?

Você entende inglês? Clique aqui para ver mais debates na versão em inglês do site da Khan Academy.

Transcrição de vídeo

RKA3JV - Olá! Como vai? Diz aí, alguma vez você já se confundiu com palavras que são parecidas, mas que, na verdade, possuem significados bem diferentes? Por exemplo, na aula de geografia, você queria falar sobre a imigração dos povos árabes no Brasil, que seria a entrada deste grupamento no país, mas acabou falando emigração, termo que carrega o sentido inverso da ideia que você queria passar. Já que significa a saída do povo, e não a chegada. Esta confusão se dá porque emigração e imigração são palavras parônimas. Isto é, termos que apesar de serem semelhantes, têm significados distintos. Na língua portuguesa existem vários casos de paronímia. Eu vou te mostrar alguns. Absolver e absorver. Note que a única diferença na grafia das palavras é que uma tem "L" e a outra "R". Todavia, os sentidos são bem diferentes. Absolver significa inocentar alguém de alguma penalidade. Já absorver significa reter, sugar algum líquido. Delatar e dilatar. Aqui a diferença na grafia é que uma tem "E" e a outra "I", mas o sentido é bem distinto. Delatar significa denunciar, revelar algo. E dilatar significa aumentar, expandir. Despercebido e desapercebido. Aqui a distinção na grafia se dá apenas pelo fato de um termo possuir a letra "A". O sentido, por sua vez, é bem diferente. Despercebido é algo imperceptível, já desapercebido tem a ver com a falta de alguma coisa, estar desprovido. Fluir e fruir. Neste caso, a diferença na grafia é que uma palavra tem "L" e a outra "R". Todavia, o sentido é bem distinto. Fluir refere-se tanto à ideia de escorrer algum líquido, quanto ao acontecimento natural das coisas. Já "fruir" é sentir prazer com algo, desfrutar. Soar e suar. Aqui a diferença na grafia é bem simples, uma palavra tem "O" e a outra "U". O sentido, por sua vez, é bem diferente. Soar significa emitir algum som e suar significa transpirar. Por fim, temos comprimento e cumprimento. Na grafia, estes termos se diferenciam apenas pelo fato de um ter "O" e o outro "U". Entretanto, o sentido é bem diferente. Comprimento tem a ver com a medida entre dois pontos. E cumprimento pode ser tanto a execução de algo ou um aceno, um gesto para outra pessoa. E aí, viu só que apenas uma letrinha pode alterar todo o significado de um termo? Pois é. E agora que você já está mais familiarizado com este assunto, aproveite para conhecer outros parônimos e também faça exercícios. Bons estudos e até a próxima!