If you're seeing this message, it means we're having trouble loading external resources on our website.

Se você está atrás de um filtro da Web, certifique-se que os domínios *.kastatic.org e *.kasandbox.org estão desbloqueados.

Conteúdo principal
Tempo atual:0:00Duração total:9:53

Transcrição de vídeo

nós vimos no vídeo passado a regra da potência para derivada de polinômios por exemplo se a gente quisesse calcular a derivada em relação à xdx elevado a n isso seria igual a ene vezes x elevado a eni menos um desde que o n fosse diferente de zero de acordo com essa regra a gente vai pegar esse expoente colocar aqui na frente da nossa variável da variável que a gente está derivando e vai subtrair um aqui nesse expoente neste vídeo a gente vai ver algumas propriedades interessantes a respeito dessa regra ea primeira coisa que a gente pode ver aqui é um caso em que esse n seja igual a zero então por exemplo vamos supor que a gente queira calcular a derivada em relação à x de x elevado a eni em que é igual a zero então por exemplo x elevado a 0 qual seria derivada que nesse caso bem a gente estaria calculando a derivada em relação à x a gente sabe que todo o número elevado a 0 é igual a um certo então nós estaríamos calculando a derivada de um e qual seria derivada de um para responder essa pergunta contração gráfico aqui um gráfico de y em função de x vamos dizer que a gente queira saber a derivada de um ou seja a inclinação de um já que é derivada sempre nos diz a inclinação da reta tangente que passa em um ponto então se a gente quisesse a função y igual a gente teria uma reta horizontal aqui certo essa daqui a função e y igual a fdx em que essa função é igual a um qual seria a inclinação dessa reta horizontal a inclinação dessa reta horizontal é igual a zero já que ela não está inclinado se já ela é horizontal então a derivada em relação à x de um que é uma constante vai ser igual a zero já que a inclinação da reta tangente é igual a zero pois a inclinação dessa função é igual a zero se a gente quisesse calcular derivada de outras constantes a resposta seria a mesma por exemplo se eu tenho aqui a função y igual a 3 a derivada de y em relação à x que é igual a y linha seria igual a zero toda derivada de uma constante sempre vai ser igual a zero então podemos até colocar essa regra que todas as vezes que a gente quiser uma derivada em relação a uma variável em que a gente tem aqui uma constante só que sendo uma constante isso vai ser sempre igual a zero então todas as vezes em que a gente quiser calcular a derivada de uma constante que é o caso de uma variável x elevado a 0 a gente sempre vai ter como resposta 0 agora vamos supor um outro caso vamos supor que agora a gente queira calcular a derivada em relação à x de uma constante multiplicando uma função fdx nesse caso a gente pode pegar essa constante e colocar fora da deriva da assim a gente teria algo dessa forma a gente teria a constante vezes a derivada em relação à x da nossa função fdx colocando em outra votação a gente pode dizer que isso aqui vai ser igual a vezes é fininha de x que a própria derivada da função em relação à x mas para fixar legal essas idéias vamos fazer um exemplo aqui vamos supor que a gente queira saber a derivada em relação à x de duas vezes x elevado a quinta potência só que vai ser igual então ao que a gente pode pegar essa constante colocar fora da deriva então a gente vai ter duas vezes a derivada em relação à x da nossa função ea nossa função é o que x elevado a quinta potência agora a gente pode calcular isso aqui a gente vai ter duas vezes a derivado em relação à x de x e levado à 5ª potência a gente pode usar a regra que dá potência pegando um expoente colocando aqui na frente repetindo xii subir traindo um aqui no expoente a gente vai ter 5 - 1 que é igual a 4 beleza agora a gente pode simplificar isso aqui duas vezes 5 vai ser igual a 10 dez vezes x elevado à quarta potência vamos observar agora um terceiro caso é um caso em que a gente queira calculará derivado em relação à x da soma de duas funções por exemplo de fdx mais gbx isso vai ser igual ao que bem quando a gente quer calcular derivada da soma de duas funções isso vai ser igual à soma da derivada destas funções por exemplo a gente vai pegar que é derivada de fdx então nós temos aqui é derivada em relação à x de fdx mas a derivada em relação à x dgd x então essa é uma outra propriedade aqui das derivadas a gente pode inclusive colocar isso daqui com uma outra anotação também a gente pode dizer que a derivado em relação à x vai ser f linha de x mas a derivada em relação à x dgd x que é gelinho de x vamos fazer um exemplo aqui também vamos supor que a gente queira calculada derivado em relação à x de x ao cubo mais x elevado a menos quatro em isso aki vai ser igual a derivada de x elevado ao cubo qual é a derivada de x elevado ao cubo a gente pode usar a regra da potência a gente pega esse expoente coloca na frente e subtraiu um expoente do x3 menos um é igual a 2 então a gente vai ter três vezes x elevada ao quadrado mas a derivada dessa segunda função aqui x elevado - 4 qual é derivada dessa função novamente a gente usa regra da potência a gente pega o expoente coloque na frente que nesse caso é menos quatro e multiplica pelo x elevado a expoentes - 1 - 4 - um é igual a menos cinco então a gente vai ter algo aqui igual 3 ísis elevada ao quadrado - 4 x elevado a -5 beleza então essas são algumas propriedades interessantes que a gente pode ver a respeito da derivada de polinômios e basicamente utilizando todas essas ferramentas você consegue levar qualquer polinômios ué em qualquer situação para treinar isso legal vamos ver um exemplo aqui que englobe tudo isso que a gente viu vamos supor que a gente tem uma função fdx em que essa função fdx seja igual a esse polinômios aqui 2x elevado ao cubo menos 7 x elevada ao quadrado a gente tem que menos 7 x elevada ao quadrado mais 3 x menos 100 então nós temos esse polônio eo que nós queremos fazer é dele e vai-se polônio vamos fazer isso utilizando todas as propriedades que a gente viu até agora vamos lá derivada ou seja efe linha de x vai ser igual à de levando esse 2x ao cubo aqui bem a gente sabe que aqui a gente tem uma constante então a gente pode jogar essa constante para fora da deriva então só repetindo essa constante vise a derivada de x elevado ao cubo a derivada de x elevado ao cubo utilizando a regra da potência vai ser igual a três vezes x elevado a 3 - 1 e 2 - a derivada de 7x ao quadrado qual é a derivada de 7x ao quadrado set novamente uma constante a gente bota pra fora da de levar nada ea derivada de x ao quadrado vai ser igual a duas vezes x elevado a 2 - 1 que é um mais 3 x a derivada de 3x qual é derivada de 3x bem a gente coloca três pra fora aqui ea derivada de x é igual a um então a gente tem três vezes mais qual é a derivada de -100 a derivada de -100 é igual a zero pelo simples fato de sem ser uma constante é derivado de uma constante é igual a zero agora que a gente já calculou esta derivado a gente pode simplificar isso aqui é a derivada efe linha de x vai ser igual a duas vezes 36 então a gente tem 6 x elevada ao quadrado menos sete vezes 2 que a 14 quatorze vezes x já tinha elevado a um é x mais três vezes um qe3 a gente não precisa colocar 10 aqui então a derivada dessa função ou se já é filhinha de x é igual a 6 x ao quadrado menos 14 x + 3 tudo o que você viu neste vídeo você pode utilizar para resolver as derivadas de praticamente todos os poloneses então guarde bem essas ferramentas porque elas vão ser muito úteis no futuro
AP® é uma marca comercial registrada da College Board, que não revisou este recurso.