If you're seeing this message, it means we're having trouble loading external resources on our website.

Se você está atrás de um filtro da Web, certifique-se que os domínios *.kastatic.org e *.kasandbox.org estão desbloqueados.

Conteúdo principal

Como provar que ângulos são congruentes

Neste vídeo, demonstramos que dois ângulos são congruentes em uma figura triangular realmente interessante.

Quer participar da conversa?

  • Avatar duskpin seedling style do usuário Mayza
    Alguém aí viu o live action de one piece?
    (4 votos)
    Avatar Default Khan Academy avatar do usuário
  • Avatar aqualine ultimate style do usuário lucas.svaigen.campos
    as vozes não param
    (3 votos)
    Avatar Default Khan Academy avatar do usuário
  • Avatar scuttlebug green style do usuário Matheus
    posso dizer que a = b uma vez que os triangulos sao congruentes pelo criterio AA ? pois se existem dois angulos iguais e a soma interna é 180, entao a = b ?
    (3 votos)
    Avatar Default Khan Academy avatar do usuário
  • Avatar blobby green style do usuário marina alencar
    cansei dessa vida de estudante, irei de dormes eterno.
    (2 votos)
    Avatar Default Khan Academy avatar do usuário
  • Avatar blobby green style do usuário gustavo.nishimura
    RKA - Nós temos um diagrama interessante nesta imagem aqui. O que eu quero fazer neste vídeo é tentar provar que esse ângulo "b" tem a mesma medida desse ângulo "a". Ou seja, o ângulo "LMK" mede exatamente a mesma coisa que o ângulo "LNJ", certo? Então, vamos ver se a gente consegue tirar algumas informações daqui. Vamos dizer que a reta "MK", essa reta aqui, é paralela a essa reta "NJ", beleza? Portanto, eu posso escrever que "MK", essa reta "MK", é paralela (este é o símbolo de paralelo) à reta "NJ". O que eu quero provar neste caso é exatamente isso que eu falei, a medida do ângulo "LMK" é igual à medida desse outro ângulo que acabei de falar também, "LNJ". Portanto, isso aqui é igual à medida do ângulo "LNJ". Uma outra maneira de escrever isso vai ser que a medida desse ângulo "LMK" é "b" e que isso tem que ser igual à medida do ângulo "LNJ", que é igual a "a". Então, quero provar que "b" é igual a "a". Como sempre, eu te encorajo a pausar o vídeo e ver se você consegue fazer essa demonstração. E vamos lá. Agora eu vou fazer. A primeira coisa que você pode pensar para começar essa demonstração é que nós temos um triângulo aqui, esse triângulo "LMK". Olhe o triângulo aí, certo? E o que nós sabemos sobre as medidas dos ângulos internos de um triângulo? Nós sabemos que a soma dos três ângulos internos de um triângulo tem que dar 180 graus. Portanto, eu posso dizer que esse ângulo "b" somado com a medida desse ângulo "c", "b" + "c", mais esse ângulo aqui, que é um ângulo de 90 graus, isso vai ser igual à soma dos ângulos internos de um triângulo. Em qualquer triângulo, a soma dos seus ângulos é igual a 180 graus. Agora, eu posso subtrair 90 graus em ambos os lados e o que vou ter ali vai ser que "b" mais aquele ângulo "c" é igual a 180 - 90, ou seja, é igual a 90 graus. E agora, se eu quiser saber exatamente o valor de "b", eu preciso isolar "b", ou seja, subtrair "c" em ambos os lados da equação. E, portanto, eu vou encontrar que o valor do ângulo "b" vai ser igual a 90 graus menos o valor daquele ângulo "c". Então, "b" é igual a 90 menos "c", certo? Agora, repare que essa expressão aqui é interessante para a gente porque, agora, eu consigo fazer a mesma coisa com o ângulo "a". É isso aí. E a qualquer momento, como eu sempre falo, você pode pausar o vídeo, se você se sentir inspirado e tentar fazer a demonstração. Vamos lá. Agora, vamos perceber uma coisa aqui em relação ao ângulo "a": nós temos esse triângulo aqui, "NLJ", é um outro triângulo retângulo. Olhe aí. E quais são os ângulos desse triângulo "NLJ"? Ele tem o ângulo "a", ele tem um ângulo de 90 graus e ele tem aquele mesmo ângulo "c". É um ângulo comum aos dois triângulos, certo? Então, mais uma vez, eu posso dizer que "a" + "c" + 90 graus é igual a 180. Portanto, vamos escrever isso: o ângulo "a" mais o ângulo "c" mais 90 graus vai ser igual a 180 graus. A soma dos ângulos internos de qualquer triângulo é igual a 180 graus. Deixe eu só trocar essa cor do "c", porque ficou uma cor muito próxima do magenta. Só trocar essa cor. Beleza. Agora nós podemos fazer um processo similar ao que nós fizemos aqui para o ângulo "b", ou seja, o que vou fazer é subtrair 90 e subtrair "c" para poder explicitar o valor desse ângulo "a". Então, o ângulo "a" vai ser igual aquele ângulo de 180 - 90, ou seja, 90 graus, menos aquele ângulo "c". Então, 90 graus menos "c". E aí, você percebe que "b" também é igual a 90 graus menos "c", ou seja, eu posso escrever isso aqui como sendo igual a "b". Ora, se "a" é igual a 90 graus menos "c" e "b" é igual a 90 menos "c", eu chego à conclusão de que o ângulo "a" é igual ao ângulo "b" (opa, deixe eu só colocar o "a" na cor apropriada). Então, o ângulo "a" é igual ao ângulo "b", ou de uma outra maneira, que a medida do ângulo "LMK" é igual à medida do ângulo "LNJ", como queríamos demonstrar. Até o próximo vídeo!
    (2 votos)
    Avatar Default Khan Academy avatar do usuário
  • Avatar blobby green style do usuário zindavas2
    A prova feita pelo vídeo depende dos ângulos retos formados entre as duas paralelas e uma perpendicular a elas. Poderia ser demonstrada a igualdade entre os 2 triângulos correspondentes SEM A AJUDA DA PERPENDICULAR?
    (2 votos)
    Avatar Default Khan Academy avatar do usuário
  • Avatar blobby green style do usuário pedro.silva1306
    Se a Terra fosse plana e você olhasse para longe, veria a mesma paisagem se estivesse no chão ou na copa da árvore. Mas, como a Terra é redonda, ao subir em uma árvore é possível ver coisas que não estavam aparentes ao olhar estando no chão. Quanto mais você subir, mais verá no horizonte.
    (2 votos)
    Avatar Default Khan Academy avatar do usuário
  • Avatar blobby green style do usuário Nickzao
    "Em , como a Lua consegue tapar o Sol? O Sol não é bem maior que a Lua?"
    (1 voto)
    Avatar Default Khan Academy avatar do usuário
  • Avatar male robot hal style do usuário Dr. Robson  Azevedo
    galera, foi criado um grupo no facebook para auxiliar no que precisarem, entrem e participem postando suas dúvidas em relação os conteúdos do site. link: grupo khan academy no facebook, entrem. tá aí o link https://www.facebook.com/groups/377969062541523/requests/?notif_t=group_r2j&notif_id=1495414167411780
    (1 voto)
    Avatar Default Khan Academy avatar do usuário
Você entende inglês? Clique aqui para ver mais debates na versão em inglês do site da Khan Academy.

Transcrição de vídeo

RKA - Nós temos um diagrama interessante nesta imagem aqui. O que eu quero fazer neste vídeo é tentar provar que esse ângulo "b" tem a mesma medida desse ângulo "a". Ou seja, o ângulo "LMK" mede exatamente a mesma coisa que o ângulo "LNJ", certo? Então, vamos ver se a gente consegue tirar algumas informações daqui. Vamos dizer que a reta "MK", essa reta aqui, é paralela a essa reta "NJ", beleza? Portanto, eu posso escrever que "MK", essa reta "MK", é paralela (este é o símbolo de paralelo) à reta "NJ". O que eu quero provar neste caso é exatamente isso que eu falei, a medida do ângulo "LMK" é igual à medida desse outro ângulo que acabei de falar também, "LNJ". Portanto, isso aqui é igual à medida do ângulo "LNJ". Uma outra maneira de escrever isso vai ser que a medida desse ângulo "LMK" é "b" e que isso tem que ser igual à medida do ângulo "LNJ", que é igual a "a". Então, quero provar que "b" é igual a "a". Como sempre, eu te encorajo a pausar o vídeo e ver se você consegue fazer essa demonstração. E vamos lá. Agora eu vou fazer. A primeira coisa que você pode pensar para começar essa demonstração é que nós temos um triângulo aqui, esse triângulo "LMK". Olhe o triângulo aí, certo? E o que nós sabemos sobre as medidas dos ângulos internos de um triângulo? Nós sabemos que a soma dos três ângulos internos de um triângulo tem que dar 180 graus. Portanto, eu posso dizer que esse ângulo "b" somado com a medida desse ângulo "c", "b" + "c", mais esse ângulo aqui, que é um ângulo de 90 graus, isso vai ser igual à soma dos ângulos internos de um triângulo. Em qualquer triângulo, a soma dos seus ângulos é igual a 180 graus. Agora, eu posso subtrair 90 graus em ambos os lados e o que vou ter ali vai ser que "b" mais aquele ângulo "c" é igual a 180 - 90, ou seja, é igual a 90 graus. E agora, se eu quiser saber exatamente o valor de "b", eu preciso isolar "b", ou seja, subtrair "c" em ambos os lados da equação. E, portanto, eu vou encontrar que o valor do ângulo "b" vai ser igual a 90 graus menos o valor daquele ângulo "c". Então, "b" é igual a 90 menos "c", certo? Agora, repare que essa expressão aqui é interessante para a gente porque, agora, eu consigo fazer a mesma coisa com o ângulo "a". É isso aí. E a qualquer momento, como eu sempre falo, você pode pausar o vídeo, se você se sentir inspirado e tentar fazer a demonstração. Vamos lá. Agora, vamos perceber uma coisa aqui em relação ao ângulo "a": nós temos esse triângulo aqui, "NLJ", é um outro triângulo retângulo. Olhe aí. E quais são os ângulos desse triângulo "NLJ"? Ele tem o ângulo "a", ele tem um ângulo de 90 graus e ele tem aquele mesmo ângulo "c". É um ângulo comum aos dois triângulos, certo? Então, mais uma vez, eu posso dizer que "a" + "c" + 90 graus é igual a 180. Portanto, vamos escrever isso: o ângulo "a" mais o ângulo "c" mais 90 graus vai ser igual a 180 graus. A soma dos ângulos internos de qualquer triângulo é igual a 180 graus. Deixe eu só trocar essa cor do "c", porque ficou uma cor muito próxima do magenta. Só trocar essa cor. Beleza. Agora nós podemos fazer um processo similar ao que nós fizemos aqui para o ângulo "b", ou seja, o que vou fazer é subtrair 90 e subtrair "c" para poder explicitar o valor desse ângulo "a". Então, o ângulo "a" vai ser igual aquele ângulo de 180 - 90, ou seja, 90 graus, menos aquele ângulo "c". Então, 90 graus menos "c". E aí, você percebe que "b" também é igual a 90 graus menos "c", ou seja, eu posso escrever isso aqui como sendo igual a "b". Ora, se "a" é igual a 90 graus menos "c" e "b" é igual a 90 menos "c", eu chego à conclusão de que o ângulo "a" é igual ao ângulo "b" (opa, deixe eu só colocar o "a" na cor apropriada). Então, o ângulo "a" é igual ao ângulo "b", ou de uma outra maneira, que a medida do ângulo "LMK" é igual à medida do ângulo "LNJ", como queríamos demonstrar. Até o próximo vídeo!