Tempo atual:0:00Duração total:3:31
0 pontos de energia

Shelby Harris' classroom in Kuna (7th grade)

Transcrição de vídeo
Há muita pressão para adotarmos a tecnologia, e eu fiquei muito preocupada, achando que trocariam os professores pelos computadores, e que eu viraria uma babá, uma facilitadora. Não seria mais uma professora. Eu não gostava nada de Matemática. Achava difícil. Eu não gostava de Matemática. Antes da Khan, eu acordava apavorado. Não queria vir para a escola. Depois da Khan, ainda me sinto assim em relação às outras matérias, mas fico animado com a Matemática. Foi muito intenso. Eu achei que fosse me distanciar dos alunos. Achei que eles ficariam no computador e não haveria interação, e eu temia esse distanciamento. Mas foi o exato oposto. Agora, com a Khan Academy, posso usar os vídeos e as dicas e principalmente a srta. Harris, que ainda é nossa professora. Agora, eu ensino melhor do que nunca. Tenho mais tempo com cada aluno e ensino o que eles precisam quando precisam. Isso importa? Não. Porque, se você reduzir corretamente, vai dar certo. Em vez de ter que esperar para saber se acertou ou não, em vez de fazer 20, 30 problemas e errar todos... Eles acham que acertaram e, na hora da correção, está tudo errado, e eles não faziam ideia. Na Khan, eles fazem um exercício e sabem imediatamente se acertaram ou não. Se erraram, buscam a solução e descobrem exatamente onde erraram para acertarem na vez seguinte. E não preciso fazer isso com eles. Posso estar ensinando. Estou com o meu grupo enquanto ele soluciona o problema sozinho. Se não conseguir, aí vem falar comigo. Há tantos recursos, entre os colegas e na Khan Academy, que eles conseguem aprender sozinhos. Eu sou o apoio quando isso não funciona ou para ensinar antes. Eu não era muito boa, e agora estou ensinando colegas como fazer. Você ensina uma coisa que sabe e eles ensinam uma que você não sabe. Você é o professor e o aluno ao mesmo tempo. É... muito melhor. Eu convidaria as pessoas: "Se não acredita, venha ver. Veja a intensidade na sala de aula, as conexões sociais, os laços e o intenso aprendizado que acontece diariamente, e como esses alunos se sentem bem." PROFESSORES ALUNOS ESCOLAS SALAS DE AULA