Estudo de caso de programação: Como estimular projetos interdisciplinares

Para dar aos nossos colegas professores uma ideia de como usar nosso programa de ensino em suas salas de aula, estamos criando casos de estudo. Este é um estudo de caso sobre como a professora Ellen Reller usa nosso currículo em sua sala de aula na Lowell High School na Califórnia.
Para quais estudantes você está usando a plataforma de ensino da Khan Academy?
Tenho duas turmas de programação nesse semestre. Uma tem 32 estudantes (10 meninas, 22 meninos) e a outra tem 25 (16 meninas, 9 meninos). Temos aula todos os dias durante 40 minutos. A maioria dos estudantes tem computador em casa, mas não pode usá-lo o tempo todo porque precisam dividi-lo com outros membros da família, então para muitos deles esta é a única hora que eles têm para programar. Além disso, como essa é uma aula eletiva, eles não podem programar tanto tempo em casa por causa da demanda exigida pelas outras aulas obrigatórias.
Que plano de ensino você está seguindo?
No começo, eu estava seguindo o método tradicional, usando apresentações em Powerpoint, e então pedia aos estudantes para usar a Khan Academy para criar seus programas. Logo eu comecei a usar a plataforma Khan junto às apresentações, para mostrar aos estudantes o que eles poderiam fazer através de demonstrações usando meus próprios programas.
Então eu passei para eles a primeira tarefa, um conjunto de 6 desenhos que ficam mais difíceis progressivamente, e dei 2 semanas aos estudantes para trabalharem neles. Conforme eu andava pela sala, eu podia dar total atenção às suas dúvidas e dificuldades, e assim eu podia basear as próximas lições que eu daria nessas dúvidas e dificuldades. Eu uso apenas os 10 minutos iniciais de cada aula para essas lições, assim dou mais tempo aos estudantes para que trabalhem em seus programas. Eu tento ensiná-los através de programas que eles podem reutilizar, adaptar, e modificar para aprender ainda mais.
No começo da terceira semana, nós começamos a ver animações, e foi quando eu comecei a usar os guias passo a passo da Khan Academy diretamente. Os estudantes reagiram muito bem a eles. Eu gasto bastante tempo andando pela sala para ver o que os meninos estão fazendo e para estar presente caso elas precisem de ajuda ou tenham ideias.
Por esse ser o primeiro semestre que nossa escola está usando a plataforma da Khan Academy para Ciência da Computação, eu senti como se estivesse trapaceando ao usar o programa de ensino já preparado -- o professor que deu essa matéria antes de mim desenvolveu seu plano de ensino completo, e eu senti que deveria fazer o mesmo. Então eu comecei a pensar em como eu ensino usando livros que não fui eu que escrevi, e como isso é a mesma coisa que usar as lições da Khan Academy. Isso me tranquilizou bastante.
Agora, eu uso boa parte do meu tempo pensando sobre como usar nossa capacidade ao máximo para que todos juntos possamos aprender a programar. Os estudantes acabam se questionando entre si, trocando ideias, e se ajudando mutuamente na depuração dos códigos de forma natural. Depois que as tarefas são cumpridas, os estudantes compartilham seus programas com toda a sala, e isso é muito divertido. Uma das coisas que pretendemos tentar em um futuro próximo é a programação em duplas, como uma forma adicional de interação.
Que tarefas legais vocês fizeram?
Já que tive muitas aulas de arte que envolvem a habilidade de desenhar, bem como a criatividade, eu sabia que desenvolver boas tarefas seria a chave para fazer com que os estudantes se interessassem pelas aulas. Eu não queria limitar os estudantes que já tinham pensado no que queriam fazer, e também não queria intimidar os estudantes que ainda não tinham ideia de por onde começar. Eu combinei as ideias da Khan Academy com algumas que eu mesma tive -- e isso produziu alguns resultados divertidos e realmente desenvolveu as habilidades de desenho e design dos estudantes -- e eu estou feliz porque eles estão conseguindo programar desenhos rapidamente e podem também construir um projeto com suas próprias ideias e também começar a codificá-lo.
Para desenhar, nossas pequenas tarefas para as duas primeiras semanas foram: Anéis Olímpicos, Animais, Paisagens (flores, montanhas, cidades…), Auto Retrato, e Desenho Abstrato. For the bigger drawing assignment after those, students had to choose a book they had read in an English class at Lowell and without using any text, create a book cover for it. Nos divertimos muito tentando adivinhar que livro era!
Para animação, os estudantes fizeram os projetos oficiais da Khan Academy, o de Transporte Público, e o Desenvolvendo um Anúncio Publicitário, e eles gostaram muito de ambos.
Abaixo, dê uma olhada em uma montagem desses projetos:
Montagem do projeto de capas de livros
<div class="callout">Se você estiver usando nosso currículo de programação em sala de aula, recomendamos que se inscreva no nosso blog, para ter acesso às últimas atualizações, e envie um e-mail para compsci-feedback@khanacademy.org com suas histórias e comentários. Obrigado!</div>