Nossa história de ensino domiciliar: a família Brunelli (Vermont)

Sobre nossa família

Eu uso o ensino domiciliar com meus filhos desde 2005, e ouvi falar da Khan Academy no programa "60 Minutes". A matéria fez minha família se interessar pelo site, então criamos contas e começamos a explorar. Eu decidi usar a Khan Academy no ensino domiciliar porque queria tornar a matemática divertida!
Fotografia da família Brunelli

Como usamos a Khan Academy

Por volta de dezembro de 2013, meu filho de 15 anos, Nate, disse que preferia aprender álgebra com a Khan Academy do que usando um livro, então fizemos da KA nossa principal fonte para matemática. No começo, pedi a Nate para passar cinco horas por semana na Khan Academy, mas ele logo mudou dos objetivos baseados no tempo para os objetivos baseados em habilidades. Agora, Nate está tentando atingir o nível “Praticado” em 2-3 habilidades da missão Álgebra I por dia.
Toda tarde, eu acesso minha conta de pai e verifico o relatório de progresso na habilidade. Eu vejo o que Nate realizou naquele dia e então recomendo habilidades para ele trabalhar no dia seguinte - geralmente 1-2 fundamentos de missão e 1-2 habilidades no nível das missões. Nate não tinha alguns conhecimentos necessários quando começou a usar a Khan Academy, e os fundamentos das missões realmente o ajudaram a eliminar essas lacunas.
Nós geralmente terminamos o dia fazendo algo divertido juntos. Por exemplo, podemos apostar uma corrida para ver quem consegue terminar um desafio ou habilidade básica mais rápido. Também fazemos competições a longo prazo. Essa semana, competimos para ver quem conseguia terminar primeiro a missão do terceiro ano. Outras vezes, vemos quem consegue conquistar primeiro certa medalha - como a do “nerd da semana”.

Como nosso estudo domiciliar mudou

A Khan Academy nos tornou mais móveis - tudo de que precisamos é um computador, e podemos aprender matemática em qualquer lugar. Gostamos de esquiar no inverno, então essa flexibilidade é uma grande vantagem!

Maiores desafios

Desde que mudamos para a Khan Academy, nosso progresso em Álgebra I foi mais lento. Entretanto, graças aos fundamentos das missões e ao sistema de domínio, Nate está aprendendo a matéria mais a fundo. Ele está realmente dominando o material, então a troca valeu a pena.

Palavras de sabedoria

Antes de introduzir seu filho em uma missão, dê a ele algum tempo para explorar. Quando começamos, eu deixei Nate “brincar”, trabalhando no que ele quisesse. Isso ajudou a familiarizá-lo com o site e deixá-lo entusiasmado em usá-lo.
Além disso, as recomendações do tutor são um ótimo meio de direcionar o estudo de seu filho e de acompanhar seu progresso. Gosto de dar uma olhada neles todo dia.