If you're seeing this message, it means we're having trouble loading external resources on our website.

Se você está atrás de um filtro da Web, certifique-se que os domínios *.kastatic.org e *.kasandbox.org estão desbloqueados.

Conteúdo principal

Sífilis terciária

Nesta videoaula apresentamos a sífilis terciária, abordando os sintomas, diagnóstico, tratamento e prevenção.

Transcrição de vídeo

RKA - Alô, moçada! Tudo bem com vocês? Na aula de hoje, nós vamos aprender sobre a sífilis terciária. A sífilis é uma infecção sexualmente transmissível, portanto uma IST, Infecção Sexualmente Transmissível. A sífilis é causada pela bactéria "Treponema pallidum", que é esta bactéria que nós estamos vendo na figura. Note a morfologia desta bactéria, ela possui morfologia de espiroqueta, semelhante a uma mola. A sífilis possui alguns estágios: estágio primário, secundário, latente e terciário. A sífilis primária é caracterizada por lesões que aparecem no local do contágio, ou seja, essas lesões podem aparecer na vagina, vulva, colo uterino, ânus, boca e pênis. No caso deste paciente que nós estamos vendo, ele possui uma lesão na língua. Muito provavelmente, então, a contaminação, a infecção desse paciente se deu por meio da boca. Essas feridas geralmente não doem, não coçam, não ardem e nem provocam pus. Podem surgir, ainda nessa fase da sífilis primária, ínguas na virilha. Esses sinais aparecem entre 10 e 90 dias após a infecção com a bactéria Treponema pallidum, podem durar até seis semanas para desaparecer e desaparecem sozinhos esses sintomas. Então, como geralmente somem sem auxílio médico, o paciente não costuma procurar ajuda. A sífilis secundária é caracterizada pelo surgimento de manchas pelo corpo, principalmente na palma das mãos e dos pés. Muitas vezes o paciente confunde esse sinal com alergia. Surgem esses sintomas em torno de seis semanas e até seis meses depois que ocorreu a infecção. E eles também desaparecem de forma espontânea. Nesta foto, estamos vendo um paciente que apresenta diversas manchas nas palmas das mãos. A fase latente é a fase que não possui sinais ou sintomas da sífilis. Apesar de assintomático, o paciente continua infectado pelo Treponema pallidum e ele ainda pode transmitir a bactéria para outras pessoas. O último estágio, o mais perigoso deles, é a sífilis terciária. Nesse estágio o paciente pode até morrer. Ela é caracterizada pelo surgimento de lesões muito severas pelo corpo. Reparem nessas duas fotos que esses pacientes apresentam lesões muito severas e profundas. Geralmente, além de lesões pelo corpo, o paciente também pode ter os ossos afetados, fígado, rins e, em casos terminais, a sífilis pode até atingir o sistema circulatório desse paciente. Uma manifestação muito severa é quando a sífilis ataca o sistema nervoso do paciente e esse tipo de sífilis é conhecido como neurossífilis. Nessa etapa, os indivíduos apresentam perda do controle urinário, degeneração dos reflexos motores, paralisia e até demência. O paciente enlouquece. Esses sinais podem surgir até dez anos após a infecção desse paciente. Mas a sífilis tem tratamento e tem cura. O tratamento é feito principalmente com o uso injetável da penicilina benzatina, também conhecida como benzetacil. Sempre com orientação médica, é importante lembrar. Além disso, é muito importante que se faça o controle da sífilis, identificando as pessoas que tiveram relações íntimas com os pacientes infectados, para que, dessa maneira, o paciente infectado e aquelas outras pessoas que também conviveram com esse paciente sejam tratados. Além disso, é muito importante que se faça o diagnóstico precoce da sífilis. O diagnóstico precoce pode ser feito por meio de testes rápidos que são disponibilizados pelo Sistema Único de Saúde brasileiro. O teste rápido é de fácil execução, muito prático, e o resultado fica pronto em apenas 30 minutos. Além disso, há outros tipos de exames mais específicos, como exames de sangue que também detectam a presença do Treponema pallidum no paciente. Mas o mais importante de tudo é a prevenção! A prevenção da sífilis e de diversas outras IST é feita principalmente pelo uso de preservativos em todas as relações sexuais. Por hoje é só. Hoje nós aprendemos os estágios da sífilis. Vimos com mais detalhes a sífilis terciária e o quão grave ela pode se apresentar. Se cuide, bons estudos e até a próxima!