If you're seeing this message, it means we're having trouble loading external resources on our website.

Se você está atrás de um filtro da Web, certifique-se que os domínios *.kastatic.org e *.kasandbox.org estão desbloqueados.

Conteúdo principal
Tempo atual:0:00Duração total:13:29

Revisão sobre oxidação e redução do ponto de vista biológico

Transcrição de vídeo

o que eu quero fazer neste vídeo é rever o que aprendemos sobre oxidação nas nossas aulas de química e sobre o oposto de oxidação a redução depois vamos ver como o que aprendemos na nossa aula se relaciona à forma como os biólogos ou bioquímicos usam esses termos e acho que veremos que é a mesma coisa passamos uma pequena revisão do que vimos no vídeo de química para lembrar a oxidação existe uma sigla bem fácil que representa um processo e mónica famoso é op oxidar é perder elétrons perda está entre aspas aqui porque você não necessariamente perde elétrons eu vou mostrar o que quero dizer com perder elétrons isso é o que vocês deveriam gravar a sua aula de química você também aprendeu que a redução é ganho e eu vou colocar isso entre aspas também ganho está ganhando elétrons e eu coloquei entre aspas pois não há necessariamente ganho de elétrons vocês estão somente compartilhando a razão pela qual a redução é chamada assim é porque se vocês estão ganhando elétrons a carga nominal está sendo reduzida ea razão pela qual a oxidação é chamada assim é porque você tende a perder elétrons para o oxigênio embora não deve ser só para o oxigênio poderia ser qualquer molécula capaz de capturar elétrons eu vou tornar isso um pouco mais concreto digamos que eu tirasse algum hidrogênio molecular no estado gasoso e fosse fazer uma combustão com algum oxigênio molecular foi o que aconteceu com o rio bank eles encheram um balão de hidrogênio e depois uma faísca em contato com oxigênio causou uma grande explosão mas nesse processo se você tem dois molhes de hidrogênio molecular deu só estamos retificando a equação está equilibrada você vai produzir dois molhes de h2oh mas uma tonelada de calor essa coisa é realmente muito explosiva porque eu quero falar sobre o rio em burke a razão aqui é mostrar o que está sendo oxidado e o que está sendo reduzido bom nesta situação a direita aquino hidrogênio o hidrogênio molecular apenas se parece com isso você tem uma ligação hidrogênio hidrogênio eles estão compartilhando um elétron com outros de modo que ambos podem fingir que sua órbita um s está completamente cheia não estão perdendo elétrons um para o outro nem estão compartilhando um do outro por isso dizemos que eles tenham estado oxidativo neutro eles não ganharam nem perderão elétrons apenas repartem a mesma coisa é verdade para o oxigênio molecular aqui você realmente tem uma ligação dupla com os dois oxigênios ambos com oxigênio logo não há razão para que um ganhe ou perca elétrons do outro quando você vai deste lado da equação alguma coisa interessante acontece você tem pra cada oxigênio uma ligação com dois outros gênios a maneira de pensar sobre isso é que o oxigênio está tirando cada um dos elétrons do hidrogênio o hidrogênio só fica com um elétron na camada de valência o acordo na maioria das ligações covalentes é a eu te dou um elétron você me dá um elétron em nós dois temos um pai completo mas sabemos ou melhor acreditamos que o oxigênio é muito mais electro negativo do que o hidrogênio isso aqui é um pouco de glicose que sobrou do nosso vídeo sobre restauração celular você pode não saber agora mas eu vou ligar tudo isso num vídeo futuro se você olhar para a nossa tabela periódica você vai lembrar do vídeo de química onde eletronegatividade aumenta quando vamos para o canto superior direito neste são os elementos mais eletro negativos e aqui estão os menus elétron negativo us e ser eletronegativa o quer dizer gostar de pegar elétrons ser elétron negativo significa gostar de pegar elétrons pegar elétrons mesmo que o oxigênio hidrogênio sejam com valentino uma ligação de água eles estão compartilhando elétrons o oxigênio é muito mais elétron negativo do que o hidrogênio por isso ele vai capturar seus elétrons se você olhar alguns elementos deste lado e ligá los com estes outros aqui esses são muito mais elétron negativo que os da esquerda e ele realmente vão roubar o elétron e não apenas compartilhá lo na maior parte do tempo quando você fala em eletronegatividade isso significa gostar de elétrons olhando essa ligação entre hidrogênio e oxigênio vamos à tabela periódica e vemos um oxigênio muito mais elétron negativo o que significa que os elétrons passam muito mais tempo com ele aprendemos sobre pontes de hidrogênio aprendemos que ele cria uma carga negativa parcial num lado e uma carga positiva parcial do outro lado da molécula de água mas os elétrons ainda ficam em torno do hidrogênio de vez em quando quando você fala sobre oxidação e redução você diz não há nenhuma carga parcial se um elemento captura um elétron em termos do seu estado de oxidação vamos considerar que ele pegou o elétron para o estado de oxidação assumimos que o oxigênio da água pegou o elétron e nós vamos lidar um estado de oxidação de - 1 - 1 a convenção diz que você escreve a carga e depois o número do estado de oxidação então você não confunde com as cargas reais ele tem menos um por que do ponto de vista de um estado de oxidação ele pegou um elétron ganhou um elétron é por isso que eu coloquei entre aspas porque ele não ganha realmente está apenas ganhando a maior parte do tempo está dispondo dos elétrons da mesma forma este hidrogênio tem seu próprio elétron e tem outro elétron do outro hidrogênio então oxigênio ao invés de dizer menos um deve se dizer - 2 - 2 porque ele pegou um elétron daqui e outro de lá em geral quando o oxigênio faz ligação com outros átomos ou elementos não oxigênio ele tende a ser menos 2 ou seja ter duas negativas no seu estado de oxidação portanto se é 2 - é porque ele ganhou 2 elétrons vou escrever entre aspas ganho 2 elétrons sabemos que ele realmente não ganha só dispõe deles esses elementos perderam um elétron cada as ciências estado de oxidação vão ser um mais e esse aqui também vai ser um mais então você vai dizer antes da combustão do hidrogênio com oxigênio eles tinham cada um estado 0 de oxidação 0 agora eles têm um estado de oxidação mais um porque eles perderam seus elétrons quando foram ligados com oxigênio dizemos então que estes hidrogênios foram oxidadas então estes hidrogênios foram oxi dados devido a esta reação o hidrogênio foi oxidado porque ele foi o convidado porque antes ele era capaz de compartilhar seus elétrons muito bem mas ligando se com oxigênio este captura os seus elétrons agora o hidrogênio perdeu seus elétrons para oxigênio e por isso foi o convidado da mesma forma o oxigênio por esta reação de combustão essa aqui ele foi reduzido o oxigênio por esta reação de combustão foi reduzido porque foi reduzido a que ele estava apenas partilhando elétrons não perdia em ganhava quando ele é ligado com um elemento de menor eletronegatividade rapidamente ele começa a pegar os elétrons a ganhar elétrons então esta carga hipotética fica reduzida em 2 e se eu quisesse considerar todos os elétrons já que estamos falando sobre a perda e ganho de elétrons podemos escrever duas semi reações isso é uma pequena revisão da sua aula de química mas nunca é demais ver isso de novo né vou jogar isso pra lista de vídeos de biologia para que as pessoas refletem suas memórias com esse material podemos escrever então duas semi reações poderíamos dizer que começamos com dois moles de hidrogênio molecular e eles não têm estado de oxidação ou são neutros eu poderia escrever 10 lá se eu quisesse então no outro lado eu acabo com dois molhes de h2oh mas cada um dos hidrogenados agora tem um estado de oxidação mais um cada um dos hidrogênios tem um estado de oxidação mais um ou outra maneira de dizer isso é a 4 hidrogênio saque o hidrogênio molecular tem dois hidrogênio e assim temos dois molhes dele então a 4 hidrogênios aqui cada um perdeu um elétron então eu posso escrever mais quatro elétrons essa é a semi reação para o hidrogênio ele perdeu 4 elétrons há outra maneira de dizer é que o hidrogênio foi oxidado porque perdeu os seus elétrons op oxidar é perder na outra metade da reação eu vou escrever sobre o oxigênio eu começo com um molde oxigênio molecular e eu acrescento 4 elétrons eu não posso tirar elétrons do nada então eu pego os elétrons de hidrogênio e adicionando oxigênio e assim na semi reação deste lado eu acabo com 2 moles eu poderia escrever assim dois moles de oxigênio e cada um deles tem um estado de oxidação de -2 então essas são as m reações e tudo isso está mostrando que o hidrogênio ao longo do curso dessa reação de combustão perde seus elétrons e que oxigênio ganha os elétrons que o hidrogênio perdeu então isso nos diz que o oxigênio foi reduzido olha só tudo isso aqui é somente um pouco de revisão do que você aprendeu nas aulas de química mas agora eu vou confundir você é um pouquinho porque eu vou fazer você pensar como um biólogo e tudo bem não vai ser sempre confuso porque às vezes o biólogo vai usar a definição que você aprendeu na aula de química mas um biólogo ou muitas vezes livros de biologia eles dizem só para confundir a gente que a oxidação oxidação é a perda de átomos de hidrogênio perda de átomos de hidrogênio e redução é ganho ganho de átomos de hidrogênio átomos de hidrogênio e quando eu comecei esse vídeo eu falei sobre os elétrons átomos de hidrogênio como você sabe um próton e um elétron ea razão pela qual estas duas definições existem e isso é o mais importante desse vídeo é que esta definição é consistente porque o hidrogênio no mundo biólogo ruim o hidrogênio no mundo biológico no mundo biológico tende a fazer trocas o hidrogênio no mundo biológico tende a fazer trocas e ele se liga com o carbono oxigênio o fósforo nitrogênio e se olharmos para a tabela periódica vemos onde está o hidrogênio onde estão o carbono nitrogênio oxigênio fósforo além de ver um monte de coisas mas nos sistemas biológicos o hidrogênio tende a se ligar com os elementos muito mais elétron negativo logo se um carbono se liga com um hidrogênio o carbono captura os elétrons se o hidrogênio é transferido para o oxigênio junto com o seu elétron o de carbono perderá o seu átomo de hidrogênio ou seja o elétron que foi capturado antes e então oxigênio pode pegar o elétron então essas definições são realmente consistentes ea razão porque mostrei esse exemplo é porque a definição biológica não se aplica aqui você vai dizer mas o oxigênio está ganhando hidrogênios nesta reação então podemos dizer que o oxigênio está sendo reduzido de acordo com a definição biológica mas você não pode realmente dizer que o hidrogênio perde hidrogênio saque nessa situação o hidrogênio só perde elétrons ele não se perde você até poderia dizer que ele se perde porque está sendo capturado mas a definição biológica vem desta mesma noção que quando o hidrogênio se liga a maioria dos compostos biológicos ele tende a doar os elétrons portanto se um carbono perde o hidrogênio eo do a1 oxigênio o carbono vai perder os elétrons que o hidrogênio é capaz de pegar e agora é o oxigênio que está pegando assim o carbono seria oxidado e oxigênio seria reduzida espero não ter confundido a cabeça de vocês no vídeo seguinte eu vou mostrar mais exemplo ea razão de fazer isso é para aplicar na respiração celular quero que vocês não se confundam quando as pessoas falarem que o enem haddad está sendo reduzido quando ele pega o hidrogênio o que ele está sendo o oxi dado quando perde o hidrogênio e assim por diante eu queria que vocês soubessem que essas são as mesmas definições que você aprendeu na sua aula de química
O conteúdo de Biologia foi criado com o apoio da Fundação Amgen