If you're seeing this message, it means we're having trouble loading external resources on our website.

Se você está atrás de um filtro da Web, certifique-se que os domínios *.kastatic.org e *.kasandbox.org estão desbloqueados.

Conteúdo principal
Tempo atual:0:00Duração total:7:32

Transcrição de vídeo

aplicações eólicas são ligações que seguram compostos eólicos basicamente aquilo que segura os cachinhos e os anos uns um exemplo de um composto que é ligado por ligações e única seu coreto de sódio como marcar aqui em cima n a sele o coreto de soja ele também é conhecido como o sal de cozinha o sal comum aqui a gente tem um fato bem legal dos cristais de cloreto de sódio e isso é uma coisa que você pode tentar ver em casa você pode pegar qualquer sal de cozinha que você pode ter você vai desenvolver em um pouco de água e daí você vai deixar essa água por ar lentamente se você tiver com sorte você vai ter lindos cristais simétricos como esse que eu tenho aqui pelo menos eles são lindos pra mim esses cristais são uma das coisas mais legais da química você pode ver quando a gente olha mais de perto mais atentamente que o formato desses cristais eles têm uma assimetria muito bonita essa simetria ela conta um pouco sobre a estrutura desses compostos no nível molecular se nós tivermos um zoom esses cristais que a gente tem aqui a gente pode imaginar um real na realidade a gente nem precisa imaginar a gente pode olhar isso com diferentes instrumentos como por exemplo uma cristalografia de raios x então você pode ver você pode olhar a estrutura de cristal vou marcar aqui estrutura de cristal estrutura de cristal estrutura de cristal e olhando a estrutura de cristal a gente pode pegar a informação sobre como os diferentes vinhos são arranjados nos sólidos o jeito que usam são arranjados determina um monte de coisas sobre a propriedade desses compostos então essas ligações e únicas e como diziam são arranjados diz muita coisa sobre por exemplo a solubilidade do composto então vou marcar aqui em cima solubilidade solução me lidade e também diz coisas sobre o ponto de fusão e o ponto de ebulição então solubilidade eu vou marcar aqui ou sobre o ponto de fusão ou o ponto de ou é o ponto de ebulição ebo lição isso também pode ser relacionado com coisas como por exemplo com forte pode ser um sólido e único em particular as ligações e únicas o coreto de sódio que a gente tem aqui são aquelas que seguram zinho de sódio e 11 anos elle - então 11 anos em a mais n a mais e cl - a força de uma ligação e única é relacionada com a força eletrostática vou marcar aqui numa outra cor então com a minha força força eletrostática ela trouxe tática eletrostática marcar o assento aqui bom vou abreviar força eletrostática com efe e então f eo e zinho minúsculo aqui essa é a força entre duas espécies carregadas isso vai ser igual a uma constante k1 marcar aqui igual uma constante cá ea gente vai ter isso vezes as cargas que a gente tem então as cargas que que são interagindo ou seja vou chamar aqui de que um e q2 tudo bem além disso tenho que dividir q1 e q2 pela distância entre essas duas cargas você pode encontrar como de quadrado ou r quadrado então a distância ao quadrado entre essas duas cargas no caso do coreto de sódio que é um aqui seria a carga do sódio então eu teria mais um vou marcar aqui entre parentes esquece a carga do meu eo de sódio e que dois seria a carga do meu irmão decoro então seria menos um aqui cele - a gente pode dizer também que o íon de cloro que é um uno e um de sódio que dois isso não vai mudar o que a gente teria na nossa equação agora r quadrado é a distância entre os 11 anos ea gente geralmente diz que é aproximadamente a soma dos raios atômicos então eu vou fazer uma outra coisa que acho que vou fazer em rosa eu vou puxar aqui eu vou dizer que isso é aproximadamente a soma dos raios soma dos raios atômicos soma dos raios atômicos aí eu vou marcar aqui em cima que isso é aproximadamente a gente pode usar a lei de colombi aqui para explicar algumas propriedades que são relacionadas à força ou as forças das ligações e únicas o exemplo que a gente vai fazer vai ser com o ponto de fusão vamos marcar aqui numa cor diferente exemplo o ponto de fusão ponto de fusão a gente vai ver algumas tendências de ponto de fusão ea gente vai tentar relacionar com as diferentes variáveis além de colombo ok a primeira coisa que nós vamos ver são dois compostos a gente vai comparar então eu vou pegar o fluoreto de sódio vou fazer aqui nf e eu vou fazer isso aqui versos ou óxido de magnésio então quem aqui mg o fluoreto de sódio ele vai ter o ponto de fusão em 993 graus então 993 graus celsius eo óxido de magnésio vai ter o ponto de fusão em 2000 852 graus celsius então 2.852 graus celsius uma outra informação que nós sabemos sobre esses dois compostos e se você olhar o raio o único você pode ver que a distância 12 anos no folheto de sódio é praticamente a mesma que a distância de 12 anos um óxido de magnésio então se a gente for falar de r quadrado ou a distância entre o entre os nossos irmãos a gente pode dizer que aproximadamente a mesma coisa pra esses dois então a gente pode explicar a diferença nos pontos de fusão usando as cargas o ponto de fusão a uma medida de basicamente o quanto de energia que você precisa adicionar estes compostos para separar as ligações e únicas a gente espera que o ponto de fusão aumente conforme é fielmente então acho que vou marcar isso aqui vou fazer aqui em baixo então a gente espera que o marcar aqui que o ponto de fusão ponto de fusão aumente vou representar aqui com uma faixinha pra cima conforme conforme é fielmente tão confortável dando um pouco mais de espaço conforme f é também aumenta então conforma a força entre os irmãos aumenta a gente espera ter que adicionar mais energia para separar os erros a gente pode ver isso no nosso primeiro exemplo a gente pode ver isso com óxido de magnésio se a gente olhar as cargas nossos atos a gente tem que o magnésio é mais dois então marcar aqui dois mais e o oxigênio vai ser menos dois então aqui eu tenho dois - e no folheto de sódio a gente vai ter aqui mais um para o sódio e procura a gente vai ter menos um então essas vão ser as nossas cargas assumindo que é eo a distância praticamente a mesma que é um vezes que é 2 é quatro vezes maior aqui no óxido de magnésio então o produto das nossas cargas no óxido de magnésio é maior e é por isso que a gente espera que o ponto de fusão seja maior também então vou marcar aqui do lado que vou fazer aqui vamos ver vamos fazer em azul que que é um vezes que dois é maior aqui no caso do óxido de magnésio a gente também pode pensar no coreto de sódio versus o fluoreto de sódio então a nfl e aqui n a efe eu vou marcar as minhas cargas já então aqui eu tenho que procurar e tu de sódio com soja que vai ser mais um o coro vai ser menos um aqui eu tenho de novo mais um e menos um de carro campo flor nesse caso a gente vai olhar o ponto de fusão novamente o ponto de fusão do coreto de sódio é de 801 graus celsius então vou marcar aqui 801 graus celsius e o nf e a gente já viu que é de 993 graus celsius graus celsius dessa vez as cargas são as mesmas dos nossos e usá a gente tem aqui que é um erro é dois a gente tem mais um pro sódio e menos um protocolo e para o flúor então a gente percebe aqui que o produto de que é um em que dois não mudou precisou os compostos mas como a gente mudou o ânimo o flúor a gente mudou do flor para o coro a gente aumentou a nossa distância a gente aumentou o nosso r e aumentar o r aumentar o denominador faz com que a força eletrostática caia ou uma outra maneira de pensar nisso é que se os e distância diminuir conforme a gente vai do hias lpn efe o ponto de fusão vai aumentar então a gente tem aqui o nosso r diminui vou marcar em azul também que nesse caso a gente tem o erre diminuindo em cada um desses pares o composto que tem o maior ponto de fusão aquele que tem a maior força eletrostática então a gente pode observar isso fazer uma outra cor a gente pode observar isso aqui nesse caso a gente tem óxido de magnésio e a gente tem o nf nesses exemplos que a gente fez então vou marcar aqui rosa isso acontece porque as cargas são maiores que é um e que dois são maiores porque a distância entre o ciam diminuiu então esses são alguns exemplos de como a gente pode relacionar as propriedades dos compostos e ônibus com a força eletrostática usando a lei de clube entre o cachão e um ano