Se você está vendo esta mensagem, significa que estamos tendo problemas para carregar recursos externos em nosso website.

If you're behind a web filter, please make sure that the domains *.kastatic.org and *.kasandbox.org are unblocked.

Conteúdo principal

Previsões aleatórias para 2060

Previsões aleatórias de Sal para o ano de 2060. Versão original criada por Sal Khan.

Quer participar da conversa?

Nenhuma postagem por enquanto.
Você entende inglês? Clique aqui para ver mais debates na versão em inglês do site da Khan Academy.

Transcrição de vídeo

RKA22JL - E aí, pessoal, tudo bem? No vídeo passado, eu fiz algumas previsões para o ano de 2060, mas eu foquei mais a respeito de educação, que é um tema com que eu já estou um pouco acostumado. Mas, nessa aula, eu vou fazer previsões a respeito de outras coisas, e eu já vou adiantando: provavelmente, eu vou errar muita coisa. Ou seja, algumas coisas que eu vou falar aqui talvez não aconteçam em 2060. É apenas uma previsão. E a primeira coisa em que eu vou focar aqui é na medicina, ou seja, as técnicas medicinais vão avançar tanto que a expectativa de vida vai ser de mais de 100 anos. Ou seja, a tecnologia vai avançar tanto nesse ano de 2060, de modo que as pessoas tenham uma qualidade de vida melhor. É claro que se as pessoas estiverem vivendo mais, a terra vai ter uma população muito grande. Mas, conforme o tempo vai passando, os países vão ficando mais desenvolvidos e as pessoas mais estudadas, e isso provavelmente vai abaixar a taxa de reprodução. E, obviamente, vai ter mais espaço para as pessoas mais idosas. Como eu disse, isso aqui é uma previsão, mas tem muitas chances de acontecer, porque as pesquisas medicinais estão avançando muito rápido. Claro, isso não é uma garantia que a pessoa vai morrer com mais de 100 anos, mas, com toda a certeza, a qualidade de vida vai aumentar. Uma segunda previsão que provavelmente vai acontecer é uma integração do digital com o biológico. Isso significa que vamos ter mais tecnologias acopladas ao nosso corpo, por exemplo, hoje em dia nós já vemos bastante coisas com realidade virtual, mas, quem sabe mais à frente, tenha algo que se conecte diretamente com seu cérebro? E aí o digital vai ter acesso à áreas da memória, entre outras coisas que podem ser manipuladas pelos humanos. E isso nem está tão longe assim de 2060, porque hoje em dia, como eu falei, já tem bastante experiências que estão remodelando as experiências humanas. Ou seja, cada vez mais as pessoas estão convivendo com realidades aumentadas, jogos imersivos, redes sociais. Claro, eu não sei se isso vai ser bom ou ruim, mas é uma tendência que aconteça para os próximos anos. E já que estamos falando de integração digital biológica, nós podemos ir um pouco mais além. Ou seja, graças a essas novas tecnologias, talvez nós tenhamos manipulação biológica. E isso pode ser um pouco assustador, dependendo de como você use. Mas, por exemplo, você pode aumentar a Inteligência. Imagine como a sociedade vai evoluir se a inteligência for aumentada sozinha. Ou seja, se você aumenta a inteligência, automaticamente, você consegue fazer mais manipulações biológicas, e isso pode aumentar a expectativa de vida. O que eu estou querendo dizer é que essa integração digital biológica pode aumentar a expectativa de vida. Uma outra tendência que deve mudar é nas interações entre as nações. Cada vez mais, nós vamos ter uma visão global, e isso vai gerar provavelmente um Estado-nação. Isso significa que nós vamos ter um grupo de pessoas que sentem uma identidade comum. Ou seja, pode ser através da língua, da cultura, de um sistema de valores. Ou seja, vão ter uma identidade comum. Já um Estado é uma estrutura formal de governo, é ele que faz leis, tem suas instruções para a sociedade funcionar. E cada vez mais, os países vão ter uma certa uniformidade em termos do que é formal e do que é identidade. Mas o que eu quero dizer é que identidade tem a ver com valores comuns. Geralmente, as pessoas daquela nação, daquele país, têm valores muito comuns. A maioria tem uma ideia parecida de cultura e a minha pergunta é: o que vai acontecer com a comunicação entre os países? Conforme a tecnologia vai avançando, a comunicação vai ficando cada vez mais sem fronteiras. Você pode comparar o ano atual com dez anos atrás. As tecnologias de comunicação avançaram muito. Imagine como não vai estar em 2060? É daí que vem a ideia de globalização, ou seja, o mundo cada vez mais conectado, globalizado, e até mesmo a noção de democracia pode sofrer uma certa mudança. De novo, eu não sei se realmente vai mudar, mas toda a noção de democracia que nós temos é baseada, de certa forma, na geografia. Isso porque, quando as maiores democracias surgiram, buscavam uma maneira de ter um representante em cada local, ou seja, representantes de municípios, das regiões, e as pessoas iam elegendo outras pessoas e a comunicação era muito local. Isso podia ter uma certa influência, mas agora nós temos uma comunicação instantânea com pessoas do mundo todo. Isso vai mudar a forma como você influencia as democracias. E essas tecnologias podem mudar até mesmo as guerras, ou seja, por causa desse desenvolvimento, não haverá humanos nos campos de batalha e, dependendo do seu ponto de vista, isso pode ser uma coisa boa ou uma coisa assustadora. Isso porque se não tiver humanos nos campos de batalha, significa que você tem robôs predadores, e isso chega a ser até um pouco assustador, né? Você também pode ver robôs detectores de bombas, enfim, pode ter muitas coisas que nós ainda nem imaginamos. E já tem alguns projetos sendo trabalhados em alguns laboratórios. Alguns pequenos robôs de batalha, mas a parte legal disso é que nós não vamos ter baixas militares, ou seja, não vamos ter humanos morrendo em campos de batalha. E um ponto negativo disso é que pode criar uma enorme disparidade entre países desenvolvidos e países em desenvolvimento. Isso porque os países mais desenvolvidos geralmente possuem uma tecnologia melhor e, por ter um poderio militar melhor, significa que vão ter mais influência no mundo. Isso pode de repente até evitar algumas guerras, porque, pense comigo: já que o país desenvolvido, tem mais tecnologia e mais dinheiro para investir em poder bélico nesses robôs predadores, enfim, nessas novas tecnologias, de repente, os países subdesenvolvidos não queiram entrar tanto em guerra assim. Mas, como eu disse, isso é só uma previsão, não dá para saber o que vai acontecer. Particularmente, eu acredito que vá haver mais armas não letais. Isso parece ser uma coisa boa, porque ao invés de você matar um ser humano, você vai incapacitar. Ou seja, muitas mortes vão ser evitadas na guerra. Mas eu acredito que a parte ruim de armas não letais é porque agora os governos vão poder subjugar mais ainda os seus cidadãos. Ou seja, vai poder atordoar com mais facilidade um grupo de pessoas e ter um maior controle. Eu acho que isso pode ser um pouquinho assustador, né? Mas não dá para saber se vai ser uma coisa boa ou não. Mas, enfim, eu espero que eu tenha os ajudado, e até a próxima, pessoal!