If you're seeing this message, it means we're having trouble loading external resources on our website.

Se você está atrás de um filtro da Web, certifique-se que os domínios *.kastatic.org e *.kasandbox.org estão desbloqueados.

Conteúdo principal
Tempo atual:0:00Duração total:5:34

Transcrição de vídeo

Quero falar a respeito de doenças cardíacas acianóticas, mas antes revisemos rapidamente o fluxo sanguíneo no coração. O sangue está voltando do resto do corpo. Por conta disso, estará desoxigenado pois o corpo usou todo o oxigênio e agora está mandando o sangue de volta para o coração, o sangue mal possuí oxigênio, está portanto desoxigenado. Ele está voltando pelo lado direito do coração, e do lado direito, porque o coração está batendo, será enviado, o sangue desoxigenado, por esses vasos e irá para os pulmões. O que é uma boa coisa, porque eis o que acontece nos pulmões: Enquanto passa por esses vasos minúsculos chamados de capilares pulmonares, o sangue irá pegar algo muito importante, que será oxigênio. Enquanto obtém o oxigênio, você verá que a coloração muda para um vermelho mais vívido, um vermelho claro; antes era muito escuro, mas porque está pegando oxigênio, o sangue está mudando de cor e ficando assim. Em seguida, o sangue irá voltar para o lado esquerdo do coração e as batidas irão enviar o sangue oxigenado para o resto do corpo aqui está o sangue, o qual irá para todos estes vasos e então passar pelo resto do corpo, o que faz sentido, pois está enviando oxigênio ao corpo. Agora, aqui vai algo importante. Você quer ter esta separação, em que o lado direito tenha sangue desoxigenado para que este possa ir até os pulmões, voltando pelo lado esquerdo e enviando oxigênio para o corpo. Em indivíduos que nascem com uma doença cardíaca acianótica, há algum tipo de defeito e estou mostrando um defeito aqui, onde há um buraco no coração e esta malformação permite, é claro, que o sangue passe através do buraco. Apesar de não ser adequado para a passagem do sangue, se o buraco está ali e o coração está batendo, o músculo contrai e vai enviar sangue através da abertura, mas a questão é, para que sentido o sangue irá fluir? A fim de responder a pergunta, pensemos logicamente sobre o que está acontecendo aqui: No lado direito, esta parte do coração está batendo e quando o coração bate, este lado está enviando sangue, não por uma longa distância, e sim para os pulmões, a fim de voltar pelo lado esquerdo, mas quando o lado esquerdo contrai, o trabalho dele é enviar sangue para o resto do corpo, vai para a cabeça, pescoço, braços, pernas e tudo o mais, o que tem a ver com um trabalho mais significante. Pode-se notar que o músculo aqui é consideravelmente mais grosso no lado esquerdo do que no lado direito. Como um resultado disso, teremos mais pressão aqui. Sendo assim, o sangue será empurrado através da abertura, indo do lado esquerdo para o direito. É exatamente isso o que acontece na doença cardíaca acianótica. É uma doença congênita; com isso queremos dizer que o indivíduo nasce com ela, que faz com que o sangue se desvie, indo da esquerda para a direita. Certo, e qual o problema nisso? Temos sangue desviando da esquerda para a direita por causa de um orifício no coração. E geralmente ouve-se falar de um furo no coração e pensa-se: "Isso deve ser mau, certo?" Vejamos o que está acontecendo. Voltemos à cor que estávamos usando antes Que tipo de sangue temos no lado esquerdo? Bem, sangue oxigenado. E se um pouco disto vaza para o lado direito, então, este sangue oxigenado voltará aos pulmões e por conta disso, com o resto do sangue do lado direito, pegará oxigênio e voltará para o lado esquerdo do coração, como já esperávamos, então irá para o corpo e alguma parte pode até voltar para o outro lado. Isso é um problema? Geralmente quando temos indivíduos com um pequeno orifício no coração, não há sintomas porque o que estamos fazendo é apenas enviar sangue oxigenado de volta aos pulmões. Este não é um sistema eficiente. Entretanto, é funcional, os níveis de oxigênio serão adequados para um funcionamento normal e, é claro, o corpo precisa de oxigênio para fazer todas as coisas que precisam ser feitas, a fim de obter a energia de que precisa. E apesar do sangue oxigenado que volta pelo orifício, ainda ficamos com níveis normais de oxigenação no lado esquerdo do coração, e isso não gera sintoma algum. Não importa se o furo é aqui embaixo, ou aqui em cima, o fato é que você tem maior pressão no lado esquerdo, o que vai sempre ganhar da baixa pressão no lado direito. De modo que o desvio do lado esquerdo para o direito sempre ocorrerá; isto é doença cardíaca acianótica. [Legendado por Gabriel de Lábio Sipano]