If you're seeing this message, it means we're having trouble loading external resources on our website.

Se você está atrás de um filtro da Web, certifique-se que os domínios *.kastatic.org e *.kasandbox.org estão desbloqueados.

Conteúdo principal
Tempo atual:0:00Duração total:5:11

Transcrição de vídeo

Ok, estávamos falando sobre a arteriolosclerose especificamente a arteriolosclerose hialina que vemos aqui como um material vítreo rosa na túnica média Já falamos sobre as duas principais doenças ou situações em que isso ocorre Quero apresentar um outro termo novo que é a arteriolosclerose hiperplásica. Vou escrever aqui. arteriolosclerose hiperplásica um nome grande Aqui, vou imaginar o que aconteceria se o processo da arteriolosclerose hialina continuasse. Imagine esse vaso com essa situação continuando E agora você tem anos e anos de proteínas aqui na túnica média O que acontece depois? Imagine o mesmo vaso. Esta é a camada externa, a túnica externa Aqui dentro é a túnica média. Essa túnica média - que desenhei torto sem querer sabemos que essa túnica média é formada por células musculares lisas quando essas células musculares lisas ficam circundadas por proteínas elas não deveriam estar envoltas em proteínas séricas, certo? Quando a exposição às proteínas é prolongada as células reagem E como reação as células começam a se multiplicar E temos cada vez mais células musculares lisas cada vez mais células São muitas células, a ponto de preencher completamente o espaço. As células musculares lisas dominam todo o espaço E continuam a se acomodar sobre as outras camadas Como resposta, as proteínas que só agora irei desenhar e colocá-las dentro do espaço Em resposta às proteínas séricas que atravessaram a membrana basal, sendo empurradas pela hipertensão ou porque a membrana basal tinha se tornado permeável. De alguma forma as proteínas estão presentes E as células musculares lisas começam a se multiplicar no decorrer do tempo. cada vez mais células Como resultado acontece que a camada interna que é a membrana basal Vou mostrar aqui A membrana basal que possui as células endoteliais essas são as mesmas camadas mas a principal diferença agora é que a túnica média está espessa Há o espessamento especificamente por causa da multiplicação das células musculares lisas Aqui estão as células endoteliais desenhei um lúmen pequeno. Compare como era antes o lúmen era grande e ficou pequeno por ser pequeno a passagem do sangue fica difícil ao microscópio a imagem é descrita como como uma fatia de cebola. é chamado de aspecto de camadas de cebola porque a cebola também tem várias camadas E isso parece mesmo as camadas da cebola as camadas que surgem de musculatura lisa a túnica média agora está bem espessa por isso recebe o nome de túnica média grossa Outra questão é que esta situação também é comumente observada nos casos de hipertensão. Já havíamos falado que quando se tem uma hipertensão prolongada ou diabetes por muitos anos isso pode acontecer A situação clássica é quando se tem a hipertensão maligna você provavelmente ouvirá esse nome muitas vezes hipertensão maligna é, relembrando, o aumento súbito da pressão podendo chegar a 240 por 120 alto mesmo As pessoas geralmente tem sintomas De modo geral, as pessoas com hipertensão maligna apresentam algum sintoma vou escrever se a pessoa tiver hipertensão maligna ao examinar seus vasos sanguíneos provavelmente ela terá a túnica média muito espessa o que chamamos de arteriolosclerose hiperplásica. Legenda: Anna Luísa Beserra