If you're seeing this message, it means we're having trouble loading external resources on our website.

Se você está atrás de um filtro da Web, certifique-se que os domínios *.kastatic.org e *.kasandbox.org estão desbloqueados.

Conteúdo principal
Tempo atual:0:00Duração total:12:54

Transcrição de vídeo

Quero falar um pouco sobre a aterosclerose já tinha conversado um pouco e começado a desenhar porque quero me certificar de que vocês vejam e entendam bem À esquerda superior tenho um pequeno vaso com três camadas e o lúmen no meio O lado externo é aqui Este desenho é o quadrado branco aumentado o lado esquerdo é o lúmen e aqui é o lado externo do vaso sanguíneo O vaso sanguíneo possui três camadas e este vaso é uma artéria média ou grande hoje falo especificamente dessas artérias médias e grandes, que possuem diferenças específicas como essas pequenas serpentinas verdes que são uma proteína chamada de elastina. Falarei dessas artérias médias e grandes que possuem elastina em sua parede porque elas são mais suscetíveis ao processo de aterosclerose Então, é importante enfatizar quais vasos são afetados por esse processo. Vamos relembrar as camadas dos vasos temos a túnica íntima vou escrever "T" de túnica Aqui é a camada mais interna No meio, em vermelho é a túnica média Camada do meio, é a túnica média. A camada externa é a túnica externa, também chamada de adventia Essas são as três camadas Vejamos como ocorre a aterosclerose. É um processo que afeta milhões de pessoas Geralmente afeta artérias médias e largas para vocês se situarem, são os vasos com diâmetro de 1 mm a 25 mm. São os vasos visíveis a olho nu. podem ser artérias ou a aorta, a maior artéria pode ser a artéria do braço, a braquial. são as artérias de tamanho médio e grande que são afetadas pela aterosclerose Veremos a primeira etapa da aterosclerose tem que haver algum irritante que pode ser não uma pessoa chata, mas algo como uma toxina da fumaça do cigarro, aqui em vermelho aqui é a toxina irritando os vasos sanguíneos Além do tabaco, outro irritante pode ser o excesso de lipídeo no sangue a hiperlipidemia Lipídeos são as gorduras e colesterois no desenho são essas gotas amarelas feitas de gordura e proteína. São as LDL, vou escrever e significa Lipoproteína de Densidade Leve - LDL A LDL transporta a gordura e colesterol no sangue Pode-se ter muita LDL no sangue circulando nos vasos e artérias A LDL pode ser um agente irritante desenharei numa cor clara. Pode ser hipertensão sanguínea pressionando os vasos sanguíneos pode ser um irritante Hiperlipidemia, tabagismo, hipertensão podem ser agentes irritantes. E o que está sendo irritado? É a etapa dois: as células da camada mais interna da túnica íntima, é a camada entelial com células endoteliais Esta camada está sendo agredida e está zangada com a agressão. Vou desenhar as caras tristes com a LDL e outras por causa da hipertensão. Logo abaixo temos a membrana basal, mas mas são as células endoteliais as afetadas A etapa dois é a disfunção endotelial O endotélio não funciona adequadamente vou explicar melhor as células endoteliais são uma barreira entre o fluxo sanguíneo e a parede do vaso Elas são a primeira coisa que as moléculas e células enfrentam Se ocorre uma disfunção endotelial essa barreira não funcionará direito Vou ajeitar o desenho para a LDL - lipoproteína de densidade leve Vou apagar a agressão da hipertensão e também da toxina do cigarro. Deixarei apenas a LDL por enquanto, depois explico. Lembrem-se que essas células estão ficando infelizes e começam a se romper. Vou apagar Agora temos essa configuração Temos essas perfurações As células endoteliais estão deixando passar essas coisas das quais, o que importa para nós hoje é a LDL, embora existam outros irritantes como a fumaça do cigarro em maioria aqui Assim temos a disfunção endotelial. A etapa três na aterosclerose é a LDL indo para a túnica íntima. Vou escrever. É a etapa principal, a LDL decide penetrar e fazer parte desta camada A LDL vai se acumulando aqui. Vou escrever Essas moléculas de LDL têm muita gordura e colesterol, e estão agora na camada íntima Todas elas estão na túnica íntima não é o local habitual, e é a etapa três. Vamos à etapa quatro. É bem interessante É quando as coisas pioram, quando as células do sistema imunológico, os macrófagos, que possuem uma boca imensa, porque macrófago significa grande comedor macro é grande e fago, comer os macrófagos navegam pelo sangue patrulhando, como polícia do sangue Eles notam: ei, tem uma LDL nessa parede! Então eles perseguem a LDL e dirigem-se à parede. Temos agora na parede as LDLs e os macrófagos vou desenhar, um tanto desproporcional. eles estão agora na parede, nessa região e começam a devorar, já que são macrófagos toda essa gordura. Está meio confuso, mas desenharei novamente Os macrófagos ficam cheios de gordura são essas pequenas partículas de LDL As LDLs estão no interior dos macrófagos Ao microscópio, qual seria o aspecto? Usando a imaginação, parece com a espuma do mar, como aquelas do Mar Mediterrâneo Se olharmos para a espuma do mar veremos que se parece mesmo. Os macrófagos depois de engolir as LDLs acabam morrendo. Vou marcar os macrófagos mortos com um X, que passam a se chamar de células espumosas Células espumosas - vou escrever e colocar uma seta para indicar. Se olharmos para a túnica íntima outra vez agora é muito importante, vou destacar É o palco principal, temos aqui a LDL, os macrófagos mortos e as células espumosas todos banhados em gordura Lembrem-se que na etapa quatro temos os macrófagos e células espumosas na túnica íntima, certo? Agora, no mesmo desenho esse é o novo aspecto da túnica íntima vou melhorar o desenho está meio bagunçado vou apagar aqui. A LDL estava no sangue e agora está na túnica íntima agora elas começam a se aglutinar em uma poça de gordura É nojento pensar na poça de gordura de uma pessoa e tudo isso na túnica íntima vou desenhar outro macrófago morto e uma outra célula espumosa parecida com a espuma do mar Aqui é a poça de LDL as células espumosas na túnica íntima vendo em camadas abertas o vaso sanguíneo teria esse aspecto é um desenho simplificado mas são três camadas Imagine um corte transversal olhando para a fatia o lado interno seria assim vocë veria uma grande faixa de gordura que é a poça de gordura Olhando no comprimento aqui é a poça de gordura. Se abrirmos um vaso sanguíneo e olharmos essas faixas de gordura, é porque a primeira etapa da aterosclerose já iniciou. Vamos ao próximo vídeo. Legenda: PATRICIA KAWASE