Conteúdo principal
Tempo atual:0:00Duração total:10:28

Puberdade precoce

Transcrição de vídeo

Estou na escola de medicina de Stanford com Morgan Theis e Dra. Laura Bachrach e elas vão nos ensinar algumas coisas. Okay, o que vamos aprender hoje? Gostaria de falar sobre puberdade precoce que parece ser o que preocupa muitos pais atualmente. Eles se preocupam que os filhos estão crescendo muito cedo, e se preocupam que seus filhos estão ficando pequenos como resultado. Eles se preocupam se seus filhos serão bulinados, e se preocupam se isso seria culpa deles. Alimentaram ou expuseram seus filhos de uma forma errada, fazendo isso ocorrer. Então poderíamos falar sobre o que puberdade precoce significa, parece que fizeram algo muito cedo, isso está certo? É quase isso. O processo normal de puberdade, em uma garota, nós costumávamos achar que começa lá pelos 10 anos. com o desenvolvimento dos seios. E cerca de 6 meses depois, as garotas ficam com um pouco de pelos pubianos, e por volta de 12 e 13 anos elas tem a menarca. Com os garotos, pensamos em um processo mais tardio cerca dos 11 anos e meio. Os meninos ficam com os testículos maiores. E um ano depois, crescem pelos pubianos. E em torno de 15 anos, eles ficam maturos. Definimos o que é precoce, quando tem sinal de puberdade antes dos 8 em garotas, ou antes dos 9 em garotos. Ok. Então, 8 ou menos em garotas, seria precoce, e isso para o desenvolvimento de seios? Para qualquer sinal de puberdade: Os seios, pelos pubianos ou menstruação seria precoce se acontecer antes dos 8 em garotas. E em garotos, antes dos 9 anos. Isso se tornou um pouco controverso porque teve um grande estudo pediátrico que envolveu cerca de 17 mil garotas e descobriu que 25% das afro-americanas tem sinais de puberdade antes dos 8 anos, e apenas 7% das caucasianas tiveram algum sinal de puberdade antes dos 8 anos. Mas estamos usando esses parâmetro ainda. Não que essa seja definitivamente a normal, mas isso é algo que iremos avaliar. Se vimos sinais de puberdade antes das idades padrões. Ok, então parece que tem variabilidade, é difícil saber em cada caso individual, se é normal ou não, mas temos que ter algum tipo de limite para quem nós estamos avaliando para garantir que está tudo normal. Você falou uma palavra muito importante. Variabilidade. E muito dessa variabilidade é determinada pela genética. Então parte do que precisamos saber é o tempo de desenvolvimento na família. Então quando a mãe ficou menstruada pela primeira vez, quando o pai entrou na puberdade? Essa é a parte genética, e precisamos saber disso, leve em conta: se a mãe teve a primeira menstruação aos 10 e desenvolveu seios aos 8, pode ser perfeitamente normal para filha. Se a primeira menstruação da mãe foi aos 14 e sua filha desenvolveu seios aos 7 e meio, é mais preocupante. O segundo fator que parece contribuir potencialmente é a supernutrição dos nossos jovens. Ah, sim. E no estudo particular que eu mencionei, onde eles olharam para mais de 17 mil crianças, pelo menos para a população branca, eles puderam explicar os sinais de puberdade precoce como uma associação de um índice de massa corporal. Então, parece que, se você mal alimentou seu filho pode ter acelerado o seu crescimento, e eventualmente potencializado, a velocidade da puberdade Agora, isso não funcionou associado com a população afro-americana, então tem outros fatores acontecendo ali. Mas isso é algo que levamos em conta. A linha de baixo é, a criança pode apresentar alguns sinais de puberdade precoce. mãe ou pai ficam preocupados, eles vão para o pediatra, e o pediatra tem que analisar o que está acontecendo. Agora voltando um pouco, isso é um problema? Qual é o problema com, digamos, uma menina de 7 anos começando a puberdade, ou então, um menino de 8 anos começando a puberdade? Imagino que poderia haver algumas implicações sociais, como os mencionados mas quais são os tipos de coisas com que nos preocupamos? Bem, isso é uma questão importante, porque trata não só o quão longe podemos ir para avaliá-los, mas o quanto podemos tratá-los? Assim, uma das preocupações que os pais têm, refere-se a sua altura final. Então, se eles começam cedo com o surto de crescimento, e o fecha cedo, eles estão se prejudicando em algum ponto da estatura final? Então, a altura é uma preocupação. E seu impacto depende de quão jovem a criança é. Uma criança de 3 anos entrando na puberdade será bem pequena se não for feito algo. Uma garota de 7 e meio provavelmete não vai ser influenciada por isso em termos de altura. A segunda preocupação definitivamente é a parte de ações sociais. Os pais se preocupam se o filho age de maneira mais velha, ou se são tratados de uma forma em que ainda não estão preparados. Eles podem chamar a atenção indesejada porque parecem ser mais velhos. E há ainda a preocupação potencial para o abuso. Abuso sexual. Portanto, estas são as preocupações dos pais habituais quando eles trazem seus filhos. A outra preocupação que eles têm, muitas vezes, é "o que estou fazendo de errado". Eles perguntam: "deveria tê-lo alimentado com comida orgânica?" "e o sabão que estava usando?" "e as novelas que meu filho estava assistindo?" Sabe, eles são bem preocupados com as coisas que podem ter feito. E se preocupam com os aditivos dos plásticos, nos selantes dentais, etc... Se preocupam com os males no ambiente. Então as coisas que abordam na visita que tem com eles são preocupações que os pais tem sobre o que poderiam ter feito de diferente. Exatamente. Começamos com uma análise sistemática. A primeira pergunta que queremos saber, é quando tudo isso começou? E o que eles notaram. E isso é bem importante notar os sinais da puberdade, porque diferentes hormônios contribuem com os diferentes sinais. Por exemplo, se uma garota está apresentando algum odor corporal, acne, e pelos pubianos, mas nenhum sinal de desenvolvimento dos seios, nos leva a preocupação do que chamamos dos andrógenos dela ou os hormônios masculinos dela. Se uma garota vem apenas com desenvolvimento dos seios mas nenhum cabelo ou odor corporal, pensamos, aha! Ela tem sido exposta a estrogênios. E então temos muita informação dos exames físicos em termos de quais hormônios devemos procurar. Apesar da definição de precoce é qualquer uma dessas diferenças físicas ocorrendo muito cedo, a combinação que vemos é quem vai dizer o que está ocorrendo clinicamente. Exatamente. Vai nos deixar mais ou menos preocupados e vai nos deixar triste de uma forma ou de outra, pensando sobre o que poderia estar errado, qual o nível de anormalidade no sistema hormonal. Ok. Posso te fazer uma pergunta, apenas por curiosidade, qual é o diagnóstico mais comum dado para as pessoas que vem com os filhos, preocupados com puberdade precoce? O diagnóstico comum, é "variações são normais". Existe uma condição chamada "adrenarca precoce isolado", que é um termo médico elegante de dizer que as glândulas supra-renais produzem seus hormônios, vemos pelos pubianos, pelos nas axilas, e acne. Nós também podemos ver isoladamente o desenvolvimento dos seios nas meninas e isso não é preocupante. Isso vai parar certo? Sim. Tipicamente começa entre seis meses e dois anos e passa. Mas mesmo dentro dos casos mais completos, onde nós estamos vendo seios e os pelos pubianos em meninas, ou crescimento dos testículos e o pelo pubiano nos meninos, onde está preenchido na puberdade completa, pode ser idiopático e não patológico. Pensamos que nas meninas, que desenvolve totalmente, 95% das vezes, mesmo se elas tem puberdade completa, é idiopático ou não patológico. Enquanto que nos garotos, cerca de 50% das vezes, tem patologia. Então a condição é menos comum nos meninos, mas quando ocorre nos meninos, é mais preocupante. Interessante. Então é menos comum nos meninos terem sinais de puberdade precoce, mas quando ocorre nos preocupamos mais. Exatamente. Porque é mais provável de ser algo ruim. Exato. Então estou adivinhando, como uma endocrinologista, se tem algo fora do normal, quando você começa a perceber, começa a se preocupar mais também. O que está acontecendo em termos dos diferentes hormônios que estão controlando o corpo que pode ser algo que já conversamos em uma vídeo aula diferente. Tem algumas outras coisas comum que você pode perguntar quando vamos falar sobre... Acho que o conselho geral que eu daria a um pai é, se ver sinais de puberdade no filho, antes dos 8 para meninas e antes dos 9 para meninos, Deve pelo menos perguntar ao pediátra sobre isso, e o pediatra deve fazer um exame completo, e outro fator que precisa ser observado com cuidado é o crescimento, porque uma criança que realmente está na puberdade terá um surto de crescimento. Então, para isso que os pais devem ficar atentos em casa, mas é importante que os pais perguntem ao pediatra sobre isso, se eles estão preocupados. Muito obrigada. [Legendado por Anna Luísa Beserra; Revisado por Laís Yamada]