If you're seeing this message, it means we're having trouble loading external resources on our website.

Se você está atrás de um filtro da Web, certifique-se que os domínios *.kastatic.org e *.kasandbox.org estão desbloqueados.

Conteúdo principal

Transcrição de vídeo

[LEGENDA AUTOMÁTICA] aqui a gente tem um fluxograma de química orgânica e interessante é que a gente tem várias reações ea forma como essas reações são conectadas isso é muito útil quando a gente tem um problema de síntese orgânica quando a gente quer sintetizar a molécula a partir de outra para isso a gente tem que saber como essas reações tão conectadas e o fluxograma mostra isso pra gente então vamos dar uma olhada no nosso problema aqui embaixo sintetize as seguintes moléculas utilizando apenas acetileno brometo de metila e quaisquer reagentes ou solventes e inorgânicos então a gente vai começar aqui com dois propanol ea gente tem que pensar como a gente consegue isso a partir do a7 leno um jeito de pensar sobre isso utilizando o raciocínio reverso em que a gente chama isso de retrô síntese então vamos desenhar aqui uma certa de retro síntese então a gente sabe que a gente pode conseguir um álcool a partir de um alceno agora vamos voltar para o nosso fluxograma e ver com essa reação então aqui a gente tem um alceno e aqui a gente estaria indo de 1 ao senado para um álcool então a gente está usando essa certa aqui e agora a gente tem duas opções de reagentes a gente pode usar a água e ácido sulfúrico que seria uma adição seguindo a lei de marconi cove que a gente pode fazer também uma hidrocor ação oxidação que seria uma adição antes marcou nikov do órgão então olhando aqui embaixo vamos ver quais dessas a gente quer fazer e aqui pra conseguir nosso alvo a gente quer fazer uma edição marcou nikov então a gente quer adicionar o nosso h ao carbono mais substituído então para essa transição a gente vai precisar de água h2o e ácido sulfúrico h2so4 agora que a gente tenha um alceno mas a gente precisa que esse é o cenário venha do acetileno então vamos voltar aqui para o nosso fluxograma e o acetileno nosso fluxograma támbém aqui pensando na retrô se em síntese de onde a gente consegue se alceno pode conseguir-se alceno desse auxílio aqui para essa reação a gente vai precisar de hidrogênio e linde lá do nosso produto se ou de sódio e amônia se a gente quiser o produto trans então vamos voltar aqui pra baixo e pensar sobre isso agora eu quero fazer esse alceno a partir de um alcino então nós só se nos pareceria com isso nesse caso a gente não precisa se preocupar com a questão do sisu ou trans então nesse caso seria mais fácil ao hidrogênio e um catalisador de ling ler agora a gente tem esse alcino ea gente quer com os gays e alcino a partir dos 7 leno então vamos desenhar aqui o acetileno e agora a gente volta o nosso fluxograma para descobrir como a gente consegue se alcino terminal a partir do a7 leno o nosso alcino vai estar aqui e para conseguir a partir do acesso pleno a gente precisa fazer uma reação de ao que lá são como a gente vai ter só um grupo alquila a gente vai fazer essa reação só uma vez então na primeira etapa a gente adiciona uma base forte o homem dentro de sódio e na segunda etapa a gente adiciona um alento de áquila primário vamos escrever isso aqui em baixo então na primeira etapa a gente vai adicionar o amigo dentro de sódio a gente vai adicionar o nh 2 e para a segunda etapa vamos pensar qual a letra de áquila a gente quer adicionar olhando para o nosso alcino a gente vai precisar adicionar um grupo metil e pela anunciada a gente pode usar o brometo de metila então esse é o alento de áquila que a gente vai usar essa reação o ciaga 3 br agora a gente finalizou esse problema e provavelmente um teste a gente vai querer colocar isso na ordem direta a gente começa aqui com o acetileno a gente aciona o acetileno o milheto de sódio nh2 eo brometo de metila tradicionais que competiu ao nosso acetileno a gente transforma esse nosso alcino terminal em um oceano usando gás de hidrogênio e um veneno catalítico que vai para a reação nós e no então a gente pode fazer uma edição marca ovi no cofre do h usando água e ácido sulfúrico então a gente tem o nosso produto final agora vamos ver como a gente sintetiza essa molécula que dá à direita então vamos um pouco aqui pra baixo para liberar um espaço vamos redesenhar essa molécula essa é a nossa molécula aqui a gente vai ter uma ligação dupla a gente vai ter um bromo pra cá ea gente vai ter também um bromo transe em relação ao outro ea primeira reação que a gente vai pensar aqui é a reação da legislação que vai adicionar estes dois bromo sttrans um em relação ao outro ao onze no então a gente pode adicionar o bromo br2 e nosso solvente pode ser o tetra cloreto de carbono o csl 4 então como seria o nosso alcino de origem a gente vai ter aquela ligação tripla e aqui pelo lado esquerdo a gente vai ter um grupo e tio essa é a nossa reação agora a gente tem esse alcino ea gente quer fazer ele a partir do a7 leno então vamos dar uma olhada no nosso fluxograma e de novo a gente está nessa parte do fluxograma então a gente tem o nosso alcino ea gente quer fazer ele a partir do a7 leno novamente a gente vai fazer uma relação tão a gente vai adicionar o homem dentro de sódio na primeira etapa e um alento de áquila na segunda etapa vamos desenhar nossa certa de retro síntese ea gente tem que conseguir se alcino a partir do a7 leno então vamos desenhar o acetileno aqui da nossa primeira etapa a gente vai adicionar o homem dentro de sódio o nh 2 e na segunda etapa a gente precisa adicionar um alento de áquila e qual vai ser se a letra de alquila a gente precisa adicionar um grupo e tio ao nosso acetileno então o brometo de metila funcionaria essa molécula e agora você pode pensar que a gente acabou mas se a gente voltar aqui prenunciado do problema e ele diz sintetiza seguinte moléculas utilizando apenas acetileno e brometo de metila e não brometo de metila como a gente usou a gente não pode parar no brometo de metila então a gente tem que pensar um jeito de fazer o brometo de metila a partir do a7 leno vamos voltar aqui para baixo e pensar como fazer isso então vamos desenhar nossa seta de retrô síntese e agora a gente tem que pensar como a gente faz um alerta de áquila a partir de um alcino pra isso vamos voltar aqui pro nosso fluxograma o alento de áquila está bem aqui ea gente consegue fazer ele é parte de um alceno basta a gente adicionar um alento de hidrogênio h x então vamos fazer isso vamos fazer nossa letra de áquila a partir de um aceno então esse aqui vai ser o nosso alceno vai ser o eterno ou etileno ea gente quer adicionar o bromo então nossa letra de hidrogênio vai ser o hbr agora a gente tem o chileno mas como a gente consegue o etileno a partir do a7 leno vamos voltar para o nosso fluxograma para descobrir isso a gente tem então um alceno ea gente quer obter esse alceno a partir de um alcino e para isso a gente precisa hidrogenada aromatizantes hino vamos lá pra baixo fazer isso então a gente desenha a nossa seta de retrô síntese ea gente vai conseguir um alceno a partir de um alcino adicionando o gás hidrogênio o h2o nosso veneno catalítico linde ler e aqui a gente vai ter o acetileno agora vamos checar a nossa síntese então vamos fazer o caminho direto dessa síntese começando aqui con hassett leno a gente aciona o hidrogênio eo nosso veneno catalítico obtendo esse alceno partindo do sol sendo agente adicional hbr ea gente vai acabar com brometo de metila agora a gente vai ter outra molécula de acetileno ea gente vai adicionar o homem dentro de sódio eo brometo de metila que a gente acabou de criar aqui a partir desse etileno como resultado a gente adiciona esse grupo é tio ao nosso estilo aqui da direita para finalizar a gente faz uma reação de a legislação fernando dois átomos de bromo de forma anti ao nosso alcino agora a gente acabou o problema e vamos dar uma olhada então mais uma vez no nosso fluxograma eu encorajo você a usar esse fluxograma ou fazer o seu próprio fluxograma e fazer exercícios exercícios de síntese orgânica essa é uma habilidade muito útil para aperfeiçoar se você quiser sair bem em química orgânica