Conteúdo principal
Tempo atual:0:00Duração total:5:56

Momento angular constante quando não há torque resultante

Transcrição de vídeo

temos aqui um diagrama em que uma certa massa e nem vamos considerá la pontual embora apareçam círculo está presa por um fio inexistem cível há um certo centro este filtro em cumprimento indicado por r ou seja r a distância do centro do movimento até a massa m essa massa m descreve então aqui uma circunferência em torno deste cento e não dado momento aqui eu tenho uma foto do movimento ela tem uma velocidade perpendicular ao raio por tanta velocidade tangencial ao movimento indicado por ver ver tangencial ver perpendicular ao raio e o momento angular ou quantidade de movimento angular o momento angular indicado pela letra l é definido por massa vezes o módulo a intensidade da velocidade pp declarou raio vezes o raio como conseqüência de que mv massa vez velocidade ea quantidade de movimento então podemos escrever que o momento angular é a quantidade de movimento linear multiplicada pelo raio e também estudamos que o momento angular é l é igual fazendo as devidas substituições usando o fato de que o ômega velocidade angular é a velocidade linear vezes o raio então quantidade de movimento angular é igual à massa vezes 16 vezes o raio quadrado estamos considerando claro que a massa está se movendo sobre uma superfície sem atrito e sem resistência do ar observe também uma outra coisa aqui que é a quantidade de movimento linear ou seja é aquela ideia do movimento retilíneo a analogia que existe para ele no movimento circular é o quantidade de movimento angular o l que é igual análogo dele no movimento linear multiplicado pelo raio como já vimos em outras situações temos também no vídeo anterior que ao diminuir o raio de um movimento com essas características considerando o toque resultante zero portanto a quantidade de momento de movimento angular é constante ao diminuir um raio já que a massa é constante então a velocidade angular ômega aumenta e vice-versa como comentamos no exemplo da patinadora que ao girar de braços abertos tem uma velocidade angular menor do que ao girar de braços fechados quando o raio portanto é menor ea velocidade angular é maior bem mais no vídeo anterior só foi dito a você que se o torque é zero toque resultante a 0 então a quantidade de movimento angular não se altera e isso aqui acontece vamos olhar com cuidado agora entender melhor essa conta vamos lembrar que pela definição de torque o torque é igual a força aplicada perpendicularmente ao raio x pelo raio neste vídeo vamos falar apenas de magnitudes ok e de onde vem essa força você se lembra de que força igual à massa vezes aceleração então essa força aqui é igual à massa vezes a aceleração nessa direção perpendicular um raio ea aceleração nessa direção perpendicular ao high então nada mais é que a variação da velocidade perpendicular ao raio dividido pelo tempo isso tudo então massa vez a aceleração ea força isso tudo multiplicado pelo raio que está aqui vão multiplicar os dois lados dessa igualdade por delta t ou seja teria o torque vezes o delta te igual à do lado de cá teríamos a massa massa vezes o delta ver perpendicular ao raio o delta ter cancelou vezes o raio mas o que é exatamente isso aqui isto nada mais é que a variação do momento angular mais uma vez podemos fazer analogia entre o movimento circular e linear vamos lembrar se você tem uma certa força efe multiplicada pelo tempo que você aplicou essa força efe nós temos aqui o que chamamos de impulso e o impulso é igual à variação da quantidade de movimento linear e sabemos que se a força que for zero então não há variação na quantidade de movimento linear então a quantidade de movimento linear é preservada é conservada voltando para a situação do movimento circular o torque é o análogo à força multiplicado pela variação do tempo quando eu apliquei esse torque vamos ter o análogo à variação da quantidade de movimento que é a quantidade a variação da quantidade de momento angular naturalmente então se o torque força 0 a variação do momento angular também é zero e isso significa que vamos conservar o momento angular como consequência o momento angular é constante como novamente no exemplo do patinador que sem aplicar um torque ele pode modificar a sua rotação alterando o raio abrindo ou fechando os braços claro quando estamos falando de um patinador estamos falando de algo muito mais complexo do que uma simples massa amarrada num prego mas o patinador pode ser enxergado como vários pontos de massa e com os braços abertos a distribuição dessas massas tem um raio maior do que quando ele está ele está com os braços fechados espero poder ter contribuído com alguma noção sobre esse assunto até o próximo vídeo