If you're seeing this message, it means we're having trouble loading external resources on our website.

Se você está atrás de um filtro da Web, certifique-se que os domínios *.kastatic.org e *.kasandbox.org estão desbloqueados.

Conteúdo principal

Leitura de diagramas de caixa

Este é um daqueles vídeos fofos de gatinhos? Não! Diagramas de caixa e bigode buscam explicar os dados, mostrando uma dispersão de todos os pontos dos dados de uma amostra. Os "bigodes" são as duas extremidades opostas dos dados. Este vídeo é mais divertido do que um punhado de catnip. Criado por Sal Khan e Instituto de Tecnologia e Educação de Monterey.

Quer participar da conversa?

  • Avatar aqualine ultimate style do usuário Júnior
    Formidável esse gráfico, até hoje nunca tinha ouvido falar e agora vejo que ela pode ser muito útil. uma pergunta para elevar seu conhecimento, por acaso você sabe em que em nossa vida podemos usar esse gráfico?
    (5 votos)
    Avatar Default Khan Academy avatar do usuário
Você entende inglês? Clique aqui para ver mais debates na versão em inglês do site da Khan Academy.

Transcrição de vídeo

RKA17JV Um ecologista pesquisa a idade de cerca de 100 árvores em uma floresta local. Ele usa um gráfico de caixa para mapear seus dados. Qual é o alcance de idades das árvores que ele pesquisou? Qual é a idade mediana de uma árvore da floresta? Primeiro vamos entender do que se trata esse gráfico de caixa. Trata-se de uma forma de ver a extensão dos diferentes dados, as idades das árvores, e de registrar outras informações como a mediana e onde fica a maioria das idades das árvores. Temos a reta horizontal e a caixa. Esta é outra reta aqui. As retas nos mostram o alcance de todos os dados, ela mostra que o menor ponto de dado desta amostra é esta árvore de 8 anos. Imagino que este eixo esteja em anos. E diz que a árvore mais velha tem 50 anos. Se a gente quiser o alcance do ponto de vista estatístico, a gente vai querer o dado mais alto menos o dado mais baixo, portanto, 50 menos 8, temos um alcance de 42. A reta nos diz que tudo fica entre 8 e 50 anos, inclusive 8 e 50 anos. A caixa começa em... vou explicar de outra forma. Esta divisão vertical aqui é a mediana. É a mediana. Metade das idades será menor que a mediana. Vemos aqui que a mediana está em 21, então, esse gráfico de caixa nos diz que metade das cidades das árvores é menor que 21 e metade é maior que 21. E esses pontos aqui são as medianas de cada uma dessas sessões. Esta é a mediana para todas as árvores mais jovens que a mediana real ou principal. Esta é a idade média de todas as árvores menores de 21 anos. Esta é a idade média de todas as árvores maiores de 21, ou com mais de 21 anos. Estamos dividindo todos os dados em quatro grupos. Esse é o primeiro quartil, vamos chamar de que Q1, que é o primeiro quartil. É melhor chamar de 1Q. Esse é o primeiro quartil, é mais ou menos 1/4 das árvores, porque a árvore pode mudar de idade, mas a idade de cerca de 1/4 das árvores vai até aqui. 1/4 das árvores têm idade entre 14 e 21. 1/4 fica entre 21 e 33, e 1/4 fica aqui, chamamos de primeiro quartil, segundo quartil, terceiro quartil e quarto quartil. Para responder à primeira pergunta tem um alcance de 42 anos entre a árvore mais velha mais nova. E a idade mediana de uma árvore e da floresta é 21. Apesar de termos árvores de até 50 anos, a idade mediana da floresta fica mais perto do ponto mais baixo de nossa faixa de idades. Se a gente olha a mediana como medida de tendência central, então, ela é de apenas 21 anos. Dá pra ver. Está mais perto do lado esquerdo da caixa e mais perto da ponta esquerda da reta do que da ponta direita da reta.